Anúncios

Finalizada a apuração, confirmada a reeleição de Guilherme Menezes prefeito, vejamos alguns dados interessantes do 2º turno em Vitória da Conquista. Aqui incluo, como sempre, avaliações pessoais do evento e um elogio ao novo instituto de pesquisas DataGiorlando (brincadeira à parte, acertei o prognóstico da eleição. Comemoro, então, duas vezes):

– Votaram 169.190 eleitores, de um total de 215.299. Foram válidos 161.832 votos.

– Guilherme Menezes teve 14.011 votos a mais que no 1º turno (18,18% a mais).

– Herzem Gusmão teve 7.630 votos a mais que no 1º turno (12,08% mais).

– A abstenção cresceu de 20,01% para 21,42%.

– Os votos brancos saíram de 2,55% para 1,25%.

– Os que anularam o voto no 1º turno chegaram a 6,37% e hoje não passaram de 3,09%.

Ou seja: o conquistense aprovou o 2º turno. A queda do número de brancos e nulos mostra que a dúvida do 1º turno se desfez nos 20 dias da campanha seguinte. Uma mensagem clara para os políticos.

Ninguém tem domínio das situações eleitorais. Basta dizer que o PT comemorou a duas pesquisas locais publicadas e as duas deram errado. A do 2º turno menos. Apontava 53,77% das intenções de voto para Guilherme e 34,38% para Herzem Gusmão, com 11,85% de indecisos, o que daria aproximadamente 61% dos votos válidos para o petista e 39% para o peemedebista.

A margem de erro era de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Daria de 36% a 42% para Herzem, que ficou com 43,72%. Erro pequeno para baixo. Apurando os números da pesquisa publicada, Guilherme poderia ter de 58% a 64%, teve 56,28%. Pequeno erro para cima da pesquisa.

Pelo já conhecido DataGiorlando, Guilherme teria 55,12% e Herzem Gusmão, ficaria com 44,88%. Como a margem de erro foi de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, Guilherme poderia ficar entre 51,62% e 58,62%. Teve 56,28%. No caso de Herzem ele poderia ter entre 41,38% e 48,38%. Herzem teve 43,72% dos votos. Erro do meu prognóstico: apenas 1,16 pontos percentuais de diferença. Certíssimo o DataGiorlando. Rs

Anúncios

0 comentário em “Uma leitura do 2º turno de Conquista. (Incluindo um auto-elogio. Perdão).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: