Anúncios
Polícia Segurança Pública Vitória da Conquista

A tragédia continua em Conquista: assassinatos de adolescentes encerram 2015 e abrem 2016

20151023_202222[1].jpg
Esta arma estava na mão de um adolescente. Ele praticava um assalto e acabou sendo baleado e morto pela vítima.

O ano de 2015 fechou com 139 homicídios em Vitória da Conquista, uma média de 11,58 assassinatos por mês. De acordo com cálculo feito a partir de levantamento nos blogs do Anderson, do Rodrigo Ferraz, Resenha Geral, Conquista News e Blitz Conquista, novembro foi o pior mês, com 19 mortes, ou uma a cada 36 horas. Em 2014 foram registrados 158 assassinatos, média de 13,16 por mês e 14% a mais que o ano que acabou na semana passada. O motivo predominante, segundo informações policiais: o tráfico de drogas. Os números ganham contornos de tragédia porque a maioria das vítimas – quase sempre de arma de fogo – são adolescentes e jovens.

E essa realidade parece estar longe de se modificar. Pesquisa feita na seção de Polícia dos principais blogs conquistenses mostra que dos últimos quatro assassinatos registrados em 2015, dois tiveram como vítimas um jovem de 19 anos e um adolescente de 14. Os outros dois, alvos de acertos de gangues, a partir do presídio Nilton Gonçalves ou do comando do tráfico, tinham 32 anos. E a primeira ocorrência de 2016 foi o assassinato de um adolescente de 16 anos, no bairro Jurema.

Os adolescentes são vítimas e fazem vítimas. Assim como são a maioria dos que morrem, também formam no exército dos que roubam, assustam a população e matam comparsas ou rivais do tráfico. Isso gera um debate sem fim na comunidade. É inegável que a maioria da população, por razões diversas, acha que a Justiça e os governos são condescendentes com os menores, e isso seria a razão para o crescimento dos índices de criminalidade nas cidades. Quem discorda entende que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) contempla satisfatoriamente a questão e que o envolvimento de crianças e adolescentes no crime é uma derivação de falta de estrutura social e de equipamentos de proteção e ressocialização.

No meio da polêmica, os órgãos de segurança, cujo trabalho acaba dobrado. E, comparando a ação das polícias, Civil e Militar, o BLOG anota que houve uma notável evolução da sua atuação nos últimos cinco anos. A PM, ao ampliar a sua presença, com a implantação da Rondesp e da  92ª Companhia Independente, para ação na zona rural, tem feito um trabalho de prevenção eficiente e a Polícia Civil melhorou visivelmente o trabalho de investigação e apuração, com um índice de solução de casos muito superior ao que se registrava antes.

É de se esperar que a ação das duas polícias, somada a um desempenho ainda mais ágil e firme do Ministério Púbico e do Judiciário e à manutenção e ampliação das políticas de proteção social por parte da prefeitura e do Estado, possa oferecer uma maior sensação de segurança no município, visualizando a redução da violência e maior e melhor perspectiva de vida para os jovens da periferia, que mesmo quando empunham a arma são vítimas.

TORCENDO CONTRA

Nas pesquisas feitas nos sites que noticiam as ocorrências policiais de Vitória da Conquista, o BLOG encontrou uma premonição feita no início do ano passado pelo titular da Delegacia de Homicídios, Neuberto Costa, que neste início de 2016 torna-se assustadora. Em 19 de janeiro passado, o delegado previu que a quantidade de assassinatos seria menor em 2015. Foi 14% menor. E isso é positivo. O susto vem na sequência da declaração do delegado, feita à repórter da Rádio Clube, Mônica Cajaíba: “Pretendemos registrar uma nova redução, haja vista que em 2014 teve um aumento significativo, mas em 2013 houve uma redução. Ou seja, estamos alternando os anos: temos anos de aumento e anos de redução”. Pela projeção do delegado, 2016 poderá ser um ano mais violento que 2015.

O BLOG torce contra essa projeção. Acredita no trabalho do delegado e de seus colegas de polícia, tanto Civil quanto  Militar, além das ações dos governos, do Ministério Público e do Judiciário. Essa esperança tem base em dados já anunciados pela Polícia Civil. Segundo o delegado chefe da 10ª Corpin, Marcus Vinícius de Morais, desde 2008, os índices de homicídios em Vitória da Conquista vêm caindo, chegando a 30% no final de 2014. Com a queda em 2015 o percentual de redução aumentou, mas a Polícia Civil ainda não divulgou os números oficiais. Até o encerramento desta matéria só havia sido registrada uma morte. De um adolescente.

Número de homicídios em Vitória da Conquista

2011 – 130 | 2012 – 154 | 2013 – 134 |2014 – 158 | 2015 – 139

 

NOTA DO EDITOR:
A PESQUISA FEITA NOS BLOGS ENCONTROU PEQUENAS DIFERENÇAS ENTRE AS INFORMAÇÕES DADAS PELO DELEGADO CHEFE, MARCUS VINÍCIUS, E PELO DELEGADO DE HOMICÍDIOS, NEUBERTO COSTA, MAS NADA DISCREPANTE.
E, HÁ POUCO, LEMOS NO BLOG CONQUISTA NEWS, EM NOTA ASSINADA POR JOÃO MELO, QUE A POLÍCIA CIVIL INFORMA TER HAVIDO UMA REDUÇÃO DE 16% NO NÚMERO DE HOMICÍDIOS, EM COMPARAÇÃO COM 2014.
JOÃO MELO TAMBÉM AFIRMA QUE FORAM 144 ASSASSINATOS, E NÃO 139, COMO ANOTAMOS. TAMBÉM DIFERE O NÚMERO DE HOMICÍDIOS REGISTRADOS EM 2014. PELO LEVANTAMENTO DO NOSSO BLOG FORAM 158. O CONQUISTA NEWS DIVULGA 177 MORTES.
O BLOG VAI ESPERAR A MANIFESTAÇÃO OFICIAL DA POLÍCIA CIVIL, PARA FAZER AS DEVIDAS CORREÇÕES, SE FOR O CASO.
O WHATSAPP DO BLOG: 71 98863 7521
Anúncios

0 comentário em “A tragédia continua em Conquista: assassinatos de adolescentes encerram 2015 e abrem 2016

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: