Anúncios
Segurança Segurança Pública Vitória da Conquista

Vitória da Conquista chega a 17 assassinatos em 27 dias e caminha para novo recorde de violência

Em 2015, foram registrados 139 homicídios em Vitória da Conquista, uma média de 11,58 assassinatos por mês. Novembro foi o pior mês daquele ano, com 19 mortes, ou um assassinato a cada 36 horas. Este mês de janeiro dá sinais de que os números serão facilmente passados para trás, para lamento da cidade. Até o fechamento desta matéria, já ocorreram 17 mortes em Conquista, incluindo a execução da pastora Marcilene Oliveira Sampaio e sua sobrinha Ana Cristina Santos Sampaio, no dia 20. (Os três acusados desses crimes estão presos, incluindo o “pastor” Edimar Brito, apontado como o mandante). Como em novembro de 2015, a média em janeiro é de um assassinato a cada 36 horas, aproximadamente, com a diferença de que ainda faltam quatro dias para o mês acabar.

Foto Homicídio
Maioria das pessoas assassinadas é de adolescentes e jovens negros da periferia

Os números de janeiro trazem à lembrança, mais uma vez, declaração, feita no início do ano passado, pelo titular da Delegacia de Homicídios, Neuberto Costa, de que redução e crescimento da violência em Vitória da Conquista se alternam ano a ano. Em entrevista à repórter da Rádio Clube, Mônica Cajaíba, no dia 19 de janeiro de 2015, o delegado disse, referindo-se à sua expectativa sobre a quantidade de homicídios em 2015: “Pretendemos registrar uma nova redução, haja vista que em 2014 teve um aumento significativo, mas em 2013 houve uma redução. Ou seja, estamos alternando os anos: temos anos de aumento e anos de redução”. Até agora, lamentavelmente, a avaliação do delegado vem se confirmando e 2016 projeta ser um ano mais violento que 2015, quando os homicídios foram reduzidos em 14% ante os números de 2014.

O governador Rui Costa chega a Conquista na sexta-feira, 29. Ao invés de salamaleques e conversas sobre disputa eleitoral, as autoridades municipais e representantes da sociedade civil, têm a obrigação de tratar com o governador sobre segurança pública. Se Rui Costa não vier a Conquista para, pelo menos, autorizar a construção da Casa de Internação Provisória e Permanente, ou CASE (Comunidade de Atendimento Socioeducacional), que o prefeito Guilherme Menezes acha mais emergencial – e é – que o aeroporto, terá vindo apenas mostrar seu largo sorriso. O governador deve saber que o sorriso de Vitória da Conquista está amarelado e triste com a violência que ganhou destaque mundial esta semana, com a divulgação de estudo internacional que põe o município na 36ª posição em um ranking de violência que inclui todas as cidades do mundo com mais de 300 mil habitantes.

Número de homicídios em Vitória da Conquista nos últimos cinco anos:

2011 – 130 | 2012 – 154 | 2013 – 134 | 2014 – 158 | 2015 – 139 | 2016 – 17

NOTA DO EDITOR:

A MATÉRIA FOI CONSTRUÍDA A PARTIR DE DADOS PUBLICADOS EM OUTROS MEIOS, ESPECIALMENTE BLOGS DE VITÓRIA DA CONQUISTA, SENDO POSSÍVEL ALGUMA INCORREÇÃO NOS DADOS.
O BLOG VAI ESPERAR A MANIFESTAÇÃO OFICIAL DA POLÍCIA CIVIL, PARA FAZER AS DEVIDAS CORREÇÕES, SE FOR O CASO.
O WHATSAPP DO BLOG: 71 98863 7521
Anúncios

0 comentário em “Vitória da Conquista chega a 17 assassinatos em 27 dias e caminha para novo recorde de violência

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: