EDITORIAL: Sobre a escolha de Zé Raimundo candidato do PT e a postura do BLOG

Posted on quinta-feira, 24 março 2016

0


PhotoGrid_1458847550584[1]

O BLOG ouve todos os atores com papel na cena política local. Ouvirá ainda Marcelo Melo (DEM), Armênio Santos (PPS), Arlindo Rebouças (PSDB) e Alexandre Pereira (PSB). Já ouviu, por exemplo, o militante petista Herberson Sonka, em entrevista que publicaremos ainda hoje)

PARTE UM

Na noite do dia 19, sábado passado, uma pessoa com ligações com o prefeito Guilherme Menezes me enviou uma mensagem de WhasApp com o seguinte teor: “Boa tarde! Zé Raimundo prefeito e Odir vice . Preserve a Fonte . Recebi esta informação agora. Confirme“. De pronto, fiz contato com alguns petistas que respeito muito em busca da confirmação ou negação da informação. Todos desconversaram, mas não negaram e alguns chegaram a dizer que poderia ter havido mesmo uma reunião para tratar o assunto, mas que não estiveram presentes.

A consulta também foi enviada aos dois pré-candidatos mais falados do PT, o deputado estadual José Raimundo Fontes e o chefe de gabinete do prefeito, Odir Freire, nos seguintes termos: “Preciso de uma palavra sua. A mais honesta possível. Ouvi hoje dois petistas de alto gabarito e eles me disseram que já está praticamente definido que o PT lançará chapa pura, com você (José Raimundo) na cabeça e Odir (você) de vice. Isso procede? Não precisa me confirmar, se for problema para você, mas me diga se há indicativos“.

Odir não deu retorno. É raro que o faça. José Raimundo atendeu, de forma típica, evitando responder diretamente: “Ainda estamos discutindo a unidade do partido. A definição de alianças e composição de chapa, pelo que saiba, ainda está em aberto.
A primeira tarefa é unificar o partido“. De posse de mais um indicativo de que o acordo havia sido mesmo fechado, decidi publicar o artigo, na linha da última conversa, que me dera os elementos e argumentos que teriam sido encontrados pelo PT para a decisão que já tomara e tentava guardar em segredo. O segredo, justificou uma fonte: “O sigilo era justamente pra não mexer com os brios dos outros candidatos”.

Artigo publicado, “choveram” mensagens de WhatsApp de petistas e governistas. Alguns reclamando que eu poderia ter colocado a acordo a perder porque as demais correntes não tinham sido avisadas e outros espantados pelo fato de o BLOG ter tido acesso à informação, que tinha o caráter sigiloso. Ou seja: todos diziam, de forma direta ou indireta, mas objetivamente, que o acordo da chapa puro-sangue com José Raimundo na cabeça e Odir Freire de vice tinha sido selado.

Usarei dois exemplos de mensagens que confirmavam o que o BLOG publicou: 1. “Diga a sua fonte que o voluntarismo dela botou tudo a perder. Toda a operação ruindo“. 2. “O interessante é que a reunião que definiu isso tinha apenas 5 pessoas e um dos acordos foi justamente de não vazar nada pra imprensa“. No dia seguinte, com o artigo publicado, voltei a procurar algumas pessoas do PT, entre elas o agora pré-candidato oficial, José Raimundo: “Bom dia, deputado. Você nega que a chapa Zé – Odir tenha sido definida? (O assunto não está sendo tratado por) Cuidado/respeito com os demais pré-candidatos ou, de fato, a matéria do blog é inverídica?“. Ele respondeu, educado, como sempre: “A mesma resposta anterior“.

PARTE DOIS

A notícia, dada em primeira mão pelo BLOG, de que havia ocorrido um acordo no PT para evitar a prévia, referendando José Raimundo candidato a prefeito e Odir vice, não foi levada tão a sério. Vários políticos e jornalistas que ouvi diziam, do alto de suas experiências e de uma suposta intimidade com o prefeito Guilherme Menezes, que conheciam o prefeito e que ele não arredaria pé de sua posição inicial. A média dos comentários apontava que Guilherme jamais aceitaria José Raimundo candidato. O BLOG é um dos menos acessados da cidade, não tem o reconhecimento de muitos políticos como o presidente do PT, Rudival Maturano – que distribui informes e notas prioritariamente para outros três blogs – e de parte da imprensa local. Foi quando o Blog do Anderson, um dos mais acessados da Bahia, repercutiu o artigo do BLOG. O assunto passou a ser, então, emergente de esclarecimento.

A Executiva do PT em Conquista chamou uma reunião ampliada e decidiu divulgar uma nota confirmando o acordo já noticiado neste BLOG, cuja tentativa de negar com silêncio não vingou. Mas, como é de praxe no PT, principalmente quando se trata da relação com pessoas ou meios de comunicação que não desfrutam de sua simpatia, nada foi dito em resposta à nossa reivindicação de esclarecimento e maiores dados. Entretanto, mesmo sem a nota oficial (que só nos foi enviada após um protesto dirigido a Rudival Maturano), obtivemos dados suficientes para uma matéria sobre a reunião que bateu, oficialmente – porque tudo já estava acertado – o martelo sobre a unidade em torno do nome de José Raimundo, mas sem Odir na vice.

Informações colhidas, nota escrita. Excelente repercussão e, de uma boa parte dos leitores, o elogio por termos nos adiantado e trazido à sociedade a decisão do PT enquanto ainda se tratava de segredo. Mas, também houve reações de discordância. Uma, leve, dizia que a menção a Odir no título da matéria e no seu conteúdo seria um equívoco. Outro, agressivo, radical e arrogante, ataca o BLOG e seu editor, tratando-nos como venais e comerciais, talvez me medindo na sua própria régua. O primeiro comentário veio do secretário de Comunicação, Ernesto Marques: “Esse papo sobre Odir não procede”.

Respondi a Ernesto:”Odir ficou assim porque o BLOG obteve uma informação anterior, sobre a chapa, não desmentida. Publicou. Depois o PT se reúne e anuncia Zé sem Odir. E também ninguém se importou em dizer ao BLOG porque ele ficou fora. O BLOG tem a responsabilidade de dar notícias completas. Na falta da informação clara do PT, ficou o entendimento de que Guilherme Menezes e Odir abriram mão da composição anteriormente divulgada. Senão, teria sido o quê? A lacuna deixada pela falta de informação completa e clara por parte do PT liberou o BLOG a inferir, para não deixar o seu leitor desavisado e para não matar a nossa credibilidade. Se houver possibilidade, que alguém diga o que houve. O BLOG publicará, sem problema, o esclarecimento de que nunca se pensou em Odir para vice, se for o caso. Ou que ele continua sendo a opção para este lugar na chapa do PT“. Ernesto ainda não replicou.

Outra reação, esta bruta, veio do ex-comunista Herberson Sonka. Como comentário à postagem feita sobre a reunião do PT, atacou o líder radical: “Caro Giorlando Lima, no que pese saber do compromisso de alguns pouquíssimos blogs, salientamos que há uma saraivada de ‘informação’ que circulam nas redes sociais que não correspondem (sic) aos fatos. Lamentamos que este blog acompanhe esta conduta, pois parte desta informação dada pelo seu blog não corresponde à realidade interna do Partido dos Trabalhadores, muito menos ao teor das discursões (sic) e encaminhamentos adotados coletivamente pelos militantes-dirigentes petistas. Lamentamos muito que blogs (excepcionalmente aqueles comprometidos exclusivamente com a receita financeira) adotem esta prática leviana de tratar ‘notícia’ como mercadoria, mesmo sabendo que são factoides (sic) infundados. Inexoravelmente, algumas empresas que atuam neste segmento mercadológico são questionais (sic) porque vem tratando de forma distorcida, não menos mentirosa, os fatos. Suas ‘verdades’ são mercadorias com valor comercial, pois a única motivação possível neste negócio é a audiência como critério de valoração de seu produto.

“Portanto, a ‘noticia’ em questão não faz parte das declarações oficiais ou extraoficiais do Partido dos Trabalhadores. O PT é uma organização política composta por um colegiado deliberativo e uma Executiva Municipal responsável pela viabilidade das decisões. Estas decisões não são definidas ao bel prazer de um feudo ou de iluminados e sim de um debate democrático realizado pelo conjunto de forças internas que preservam seu direito a (sic) divergência. O Presidente, o Companheiro Rudival Maturano, tem se comprometido responsavelmente com as diversas posições ideológicas, pois este tem pautado sua postura a partir das decisões da Comissão politica e das discussões aprovadas pelo Diretório Municipal.

“Sugiro ao blogueiro aguardar coletiva da Executiva Municipal e as forças internas que ocorrerá na próxima semana. Por hora o que há de definido neste processo interno é o nome do petista José Raimundo à (sic) Prefeito“.

Sonka não aponta qual parte da matéria, qual a “notícia em questão” que não é verdadeira. Não teve nem o discernimento nem a humildade de indicar o erro para que o BLOG pudesse se redimir. Veio com quatro pedras na mão, como se fala em minha terra natal. Como aprendi desde menino a não levar desaforo para casa, não aceito também levar esse para a história e respondi ao marxiano: “Estranhando sua agressividade e o seu posicionamento típico de quem pensa deter a verdade única e o poder de definir os maus e os bons, solicito que você, já tendo gasto seu tempo com o bolodório equivocado, aponte a informação errada, esclareça-a e eu farei os reparos, se pertinentes.
Posando de palmatória ideológica do mundo você não aumenta seu valor. Essa sua convicção de superioridade não me convence e nem me assusta. Mas, não ataque quem você só pensa que conhece, por se alimentar de fantasias. Se lhe for do caráter, me respeite como eu sempre eu o respeitei“.

PARTE FINAL

O BLOG não errou em momento algum e quem me conhece sabe o quanto primo pela ética. Não exponho as fontes que pedem anonimato, mas não invento, embora possa, na condição de pessoa a emitir opinião, usando do direito de me expressar, fazer inferências, traduções e interpretações de cenários e direcionamentos, ainda mais aqueles que, de interesse público, são guardados ao silêncio que, felizmente não sendo atributo de todos os petistas, resvala na arrogância e na prepotência.