PSB de Conquista cumpre promessa e sai do governo para ter candidato a prefeito

Posted on sexta-feira, 1 abril 2016

0


Alexandre-Pereira

O Diário Oficial do Município publicou na tarde desta sexta-feira a exoneração dos membros do PSB que ocupavam cargos na Prefeitura de Vitória da Conquista. No dia 16 passado o partido havia entregue uma carta assinada pelo seu presidente municipal, vice-prefeito Joás Meira, colocando os cargos à disposição. No documento o PSB dava ao prefeito um prazo de 15 dias para a transição, já que os demissionários executavam ações e projetos que não podiam sofrer solução de continuidade.

Deixaram o governo o secretário do Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico, Gildelson Felício; Dernival Araújo, coordenador de Segurança Alimentar e Nutricional; Rivelito Teixeira, assessor do vice-prefeito; Agnaldo Oliveira, Gerente de Fiscalização de Obras; Jordan Luiz, Gerente de Posturas e Sílvio França, Gerente de Trânsito.

A partir da decisão do PSB está oficialmente desfeita a Frente Conquista Popular. Em agosto de 2015 o PCdoB foi o primeiro a deixar a frente. PSB e PCdoB lançaram pré-candidatos a prefeito, o advogado Alexandre Pereira, que saiu do PT há três meses, e o deputado estadual Fabrício Falcão, respectivamente. O PV, dirigido pelo cantor e ex-deputado federal Mão Branca, avisou que também deixará a frente.

Mas, no PT ainda há esperança de resgatar o apoio desses partidos. Para isso contam com dois fatores: o tempo, já que ainda faltam três meses e meio para as convenções, que começam na segunda metade de julho; e o sentimento de compromisso, considerando que a pulverização no campo da base de apoio ao governo Rui Costa pode facilitar a vitória da oposição, com Herzem Gusmão (PMDB) ainda no primeiro turno.

Em conversa com o BLOG na quarta-feira, em Salvador, um petista muito influente – da linha de frente da campanha do pré-candidato Zé Raimundo – disse que ainda acredita no apoio do PSB e que vai conversar muito com Alexandre, Joás, Gildelson, José Carlos e Genivam para garantir a parceria. Confiante e esperançoso o petista capa-preta, como se diz, encerrou a conversa dizendo que crê até mesmo na volta do PCdoB de Fabrício à frente.

Posted in: Uncategorized