Anúncios

Novas instalações aumentam capacidade de atendimento de casa de atenção a crianças e adolescentes de Conquista

Na manhã desta quinta-feira (22), a Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista entregou a nova sede da Unidade Acolhendo e Cuidando, destinada ao atendimento de  crianças e adolescentes com idade entre 10 e 18 anos incompletos, que estejam com seus direitos violados, sob medida de proteção. Mais amplo, o local terá capacidade de atender até 20 crianças e adolescentes (a antiga tinha capacidade para atender 12), em uma estrutura que engloba quartos, sala de espera, sala de TV, sala de reunião, área ampla de lazer, cozinha e banheiros.

O serviço faz parte da Política de Proteção Social Especial de Alta Complexidade, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Social. O objetivo é proteger os jovens que tiveram os laços familiares rompidos ou se encontram em situação de risco pessoal e social, cujas famílias não disponham, temporariamente, de condições para oferecer proteção e cuidado.

Para o prefeito Herzem Gusmão, o sentimento de protagonizar mais uma grande conquista social é de alegria e emoção. Segundo ele, essa é a oportunidade de cuidado e zelo que esses jovens precisam: “Eles vão chegar aqui e encontrar um ambiente onde tem amor, tem dedicação e acolhimento, inclusive com a Palavra de Deus. Eu estou muito feliz com essa entrega, e nós estamos tendo cuidados especiais com a criança e o adolescente”.

foto-01

O promotor da Infância e da Juventude, Marcos Coelho, ressalta que esse equipamento é essencial para auxiliar os jovens a saírem de situações de rua, de uso de drogas ou de violência, por exemplo, oportunizando uma nova trajetória. “A ampliação de serviços é muito necessária nessa área da criança e do adolescente, porque está na Constituição que deve ser um nicho de população que deve ser tratada como prioridade absoluta”, completa.

Segundo a conselheira tutelar, Poliane de Santana, o espaço se mostrou ideal para atender aos jovens vulneráveis. “Eles já passam por todo um processo de violência, de desconstrução dos vínculos familiares, então estar em um ambiente acolhedor e adequado é de grande valia” diz. E conclui: “Nós parabenizamos essa gestão por adequar essa Unidade da melhor forma possível”.

A vice-prefeita e secretária municipal de Desenvolvimento Social, Irma Lemos, lembra que, além da estrutura física de acolhimento, os jovens também contam com o cuidado de profissionais muito preparados. “Hoje é um dia muito feliz para mim e para a minha equipe, porque estamos entregando esse espaço para aquelas crianças, e a gente sabe que elas precisam de tudo, da alimentação ao amor. A gente tem uma equipe muito boa, que trabalha com eles, cuida deles”, confirma.

 

Anúncios

Comente

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: