Anúncios
Eleições Política

Repercussão de matéria sobre Davi Salomão indica que cotação do vereador como pré-candidato a prefeito é crescente

O vereador Davi Salomão reagiu com raiva à matéria publicada no BLOG sobre o fato de ele ter divulgado – em outro blog – que é autor de uma lei que proíbe as blitzes do IPVA. Tal lei não existe. Mas, o vereador, ao invés de esclarecer o erro, preferiu proferir xingamentos contra o jornalista, com grande virulência, repetida por alguns dos seus seguidores. Oportunamente, Davi Salomão será chamado a dar explicações judicialmente sobre as afirmações que fez. Mas, esta matéria não é sobre isso. É sobre a demonstração de força da pré-candidatura do vereador a prefeito.

A repercussão da matéria que irritou Salomão gerou milhares de visualizações e mais de cem comentários na página do BLOG no Facebook e nos grupos onde o link da matéria foi compartilhado. No BLOG foram mais de duas mil visualizações. Foi a terceira vez que publicamos matéria sobre o vereador e pôde ser possível perceber o notável crescimento da popularidade dele. Naturalmente, assim como o número de seguidores é cada vez mais crescente, a reação também é muito forte. E, segundo especialistas, um dos indicativos de que uma proposta eleitoral está forte é quando tem tanta gente a favor quanto contra. E isso deu para ver.

Houve quem dissesse que a matéria é tendenciosa dos dois lados, gente doida por Salomão e gente que odeia o vereador ou qualquer ideia que se aproxime de Bolsonaro. A paixão é expressa em comentários como: “Eita glória, agora vai, se Deus quiser!”, “Esse cara tem o meu voto David Salomão você é top” e “Os outros candidatos que me desculpem, mas com Salomão na disputa não tem pra ninguém”. Os que não aceitam a ideia reagem com frases como: “Deus livra conquista”, “Nossa cidade é mais que um quartel, Deus no livre” ou “Esse aí é só barulho”.

Analistas avaliam que se contiver o ímpeto de atacar todos os que discordam dele ou dizem o que não lhe agrada, se conseguir realizar um mandato de vereador dando atenção aos temas mais populares, com seus discursos inflamados e uso das redes sociais e, claro, se o presidente Jair Bolsonaro avalizar a pré-candidatura dele, descartando os nomes que tentam se colocar no tabuleiro em busca da preferência do líder maior, Davi Salomão deve ser um dos mais fortes concorrentes do prefeito Herzem Gusmão e/ou do candidato do PT, que pode ser o ex-prefeito Guilherme Menezes ou o deputado federal Waldenor Pereira.

Pelo lado de Jair Bolsonaro se apresentam os Rangel, Kleber, pai, e Thiago, filho, que já foram citados como possíveis pré-candidatos a prefeito pelo PSL. O advogado e ex-secretário municipal de Educação, Marcelo Melo, também tem feito conversas com o partido de Bolsonaro e teria vontade de receber o aval dele para mais uma tentativa de eleição (já disputou duas como vice-prefeito e duas como candidato a deputado federal). O prefeito Herzem Gusmão (MDB) também se apresenta como aliado de Bolsonaro.

Quando esteve em Vitória da Conquista, a presidente do PSL na Bahia, deputada federal eleita, Dayane Pimentel, não deu sinal de que morra de amores por Davi Salomão e isso levou muita gente a entender que o vereador poderá ter dificuldade para ser o candidato ungido pelo presidente Jair Bolsonaro. Mesmo assim, contra a vontade da deputada, por enquanto, só Salomão é visto como o pré-candidato do presidente. É possível dizer que só depende dele chegar a 2020 nessa condição. Pena ele acreditar que vai crescer se agredir jornalistas, como fez recentemente com o radialista Humberto Pinheiro, da Clube FM, e agora, como o editor deste BLOG.

Anúncios

0 comentário em “Repercussão de matéria sobre Davi Salomão indica que cotação do vereador como pré-candidato a prefeito é crescente

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: