Anúncios
Eleições Política

Pesquisa feita em Vitória da Conquista antecipa nomes mais fortes de pré-candidatos a prefeito

Guilherme Menezes (PT), José Raimundo Fontes (PT), Herzem Gusmão (MDB) e David Salomão (PRTB) são os quatro nomes mais fortes, neste momento, para disputar o cargo de prefeito de Vitória da Conquista. A eleição só será daqui a mais de 20 meses, no dia 4 de outubro de 2020, mas a movimentação dos candidatos a pré-candidatos já começa a chamar a atenção. O BLOG teve acesso a uma pesquisa realizada nos dias 28 e 29, pela empresa Hoje InData, ouvindo 644 eleitores na cidade e na zona rural, mostrou que não são muitos os nomes conhecidos que têm força para continuar pleiteando a oportunidade de serem candidatos a prefeito, muitos dos que tentam se viabilizar aparecem com números muito baixos para a pretensão.

Entre os que já demonstraram o interesse de serem candidatos a prefeito, o deputado federal Waldenor Pereira foi o que teve o desempenho mais decepcionante no levantamento do Hoje InData. Na questão espontânea, em que o entrevistado responde sem que o pesquisador fale ou mostre nos nomes em uma lista, Waldenor teve 0,15%, apenas uma menção. Junto com ele, Armênio Santos, Cezar Ferreira, Dênis do Gás, Esmeraldino Correia, Fernando Jacaré, João Aragão, Murilo Mármore e até ACM Neto, um certo Cláudio e Seu Manuel, claramente uma ironia do entrevistado. Acima dele Marcel Moraes, Arlindo Rebouças, Fabrício Falcão, Lúcia Rocha e até Marcelo Melo. Isso na espontânea. A diferença de Waldenor para os demais é que ele está no quinto mandato de deputado e obteve 33.881 votos em 2018, ficando atrás apenas de José Raimundo.

A tanto tempo da eleição, as respostas espontâneas ganham importância porque indicam quais os nomes que estão na memória do eleitor e quais são os pré-candidatos que têm uma marca conhecida ou um nicho eleitoral estável ou em crescimento. Nestes casos estão Guilherme, José Raimundo, Davi Salomão e o prefeito Herzem Gusmão. Considerando a contagem oficial de eleitores do Tribunal Superior Eleitoral – TSE (222.298, dezembro/2018), é como se o ex-prefeito Guilherme, com 13,5% das intenções de votos na pesquisa, tivesse em torno de 30 mil pessoas que vão sempre preferi-lo antes de a qualquer outro. José Raimundo (12,73%) vem em seguida com aproximadamente 28 mil eleitores, um pouco abaixo da sua votação para deputado estadual (35.855).

Os dois adversários do PT mais fortes neste momento, de acordo com a pesquisa são o prefeito Herzem Gusmão e o vereador Davi Salomão. De forma espontânea, sem que os nomes sejam apresentados pelos entrevistadores, os 10,4% de Herzem correspondem a pouco mais de 23 mil eleitores, cerca de 1/4 dos votos que o prefeito teve no segundo turno da eleição, em 2016. Já Salomão, com 4,5% na espontânea, teria 10 mil eleitores que se lembram dele automaticamente.

ESTIMULADA

Infelizmente, o Hoje InData não fez a avaliação da intenção de voto estimulada em cenários separados e colocou todos os nomes do Partido dos Trabalhadores na mesma questão, assim, não dá para dizer qual seria o desempenho possível de qualquer um deles em disputa separada. Por exemplo, Waldenor aparece com 1,08%, enquanto José Raimundo, com 22,82%, Guilherme Menezes, 22,51%, Fernando Jacaré 1,86% e Cori Morais também com 1,08%. Tecnicamente não se pode dizer que os votos de todos eles se somariam quando for apenas um nome. Isso daria 49,35%, o que não é um percentual improvável, mas é sabido que há pessoas que votam em um deles mas não votariam no outro e isso alteraria o percentual também dos demais que não são do PT.

Qual seria o agraciado com a maior migração das intenções de votos petistas que não estivessem na lista? E dos pré-candidatos não-petistas, quem poderia receber parte dos votos dos descontentes com a escolha de um nome que não fosse o seu preferido? Qualquer eleitor que votaria em Guilherme Menezes votaria em José Raimundo e vice-versa? Sem os nomes de Guilherme e de José Raimundo Waldenor iria para quanto? Afinal, sabe-se que as campanhas de Waldenor e José Raimundo são quase uma só: peças únicas com as fotos dos dois, o mesmo pessoal contratado, as mesmas propostas, a mesma propaganda de emendas, etc. e na eleição de deputado os dois tiveram votações bem próximas, com uma diferença de 1.974 a mais para José Raimundo.

Na questão estimulada, quando os nomes são falados ou mostrados ao entrevistado, fora do PT quem desponta são o prefeito Herzem Gusmão e, mais uma vez, o vereador Davi Salomão. No pelotão intermediário aparecem Fabrício Falcão, Arlindo Rebouças,  Marcel Moraes, Marcelo Melo e Sheila Lemos, além dos petistas Jacaré, Cori e Waldenor. Herzem aparece com 11,18%, um pequeno crescimento (13,46%) em relação à questão espontânea. Salomão cresce 127,55% na estimulada e chega a 10,24%, o correspondente a aproximadamente 23 mil votos. Ele teve 23.221 votos para deputado federal em outubro de 2018, o que permite dizer, com a ressalva de que se trata de um levantamento momentâneo, que ele fidelizou o eleitorado. O mesmo se pode dizer de Guilherme Menezes e de José Raimundo.

Quanto ao prefeito Herzem Gusmão, a pesquisa indica que ele vai precisar investir cada vez mais na própria imagem e na melhoria da popularidade do governo. E tempo para isso ele ainda tem. A missão está dada ao jornalista Diego Gomes, que entrou no lugar de Lu Macário na Secretaria de Comunicação. Mas, como nem Diego pode fazer milagre, o governo deve se esforçar para corrigir a forma como se comunica com a sociedade, incluindo atitudes, posicionamentos e cumprimento de prazos, entre outras coisas. Além da ajuda de comunicação, Herzem precisa contar com a Olívia Flores terminada, as obras do Comveima começadas, os R$ 45 milhões do empréstimo da Caixa sendo aplicados, mas, muito mais, depende de como estará a saúde, a educação e o transporte coletivo até o final deste ano.

Para efeito estatístico, deve-se considerar uma margem de erro de cinco pontos percentuais, para mais ou para menos, o que significa que as intenções de votos de cada pré-candidato pode variar para cima ou para baixo.

VEJA OS PERCENTUAIS DE CADA PRÉ-CANDIDATO

RESPOSTA ESPONTÂNEA

GUILHERME MENEZES – 13,50%
ZÉ RAIMUNDO – 12,73%
HERZEM GUSMÃO – 10,40%
DAVI SALOMAO – 4,50%

MARCEL MORAES – 0,77%
ARLINDO REBOUÇAS – 0,77%
FABRICIO FALCAO – 0,62%
LÚCIA ROCHA – 0,46%
MARCELO MELO – 0,31%
WALDENOR PEREIRA – 0,15%
ACM NETO – 0,15%
ALVARO PITON – 0,15%
ARMÊNIO SANTOS – 0,15%
CÉZAR FERREIRA – 0,15%
CLÁUDIO – 0,15%
DÊNIS DO GAS – 0,15%
ESMERALDINO – 0,15%
FERNANDO JACARE – 0,15%
JOÃO ARAGÃO – 0,15
MURILO MÁRMORE – 0,15%
QUALQUER UM DO PT – 0,15%
SEU MANOEL – 0,15%

NÃO SABEM/NÃO RESPONDERAM – 47,82 %
NULO/BRANCO – 6,05%

RESPOSTA ESTIMULADA

ZÉ RAIMUNDO – 22,82%
GUILHERME MENEZES – 22,51%
HERZEM GUSMÃO – (11,18%
DAVI SALOMÃO – 10,24%

FABRÍCIO FALCÃO – 3,72%
ARLINDO REBOUÇAS – 2,63%
FERNANDO JACARÉ – 1,86%
MARCEL MORAES – 1,55%
MARCELO MELO – 1,24%
PROFESSOR CORI – 1,08%
SHEILA LEMOS – 1,08%
WALDENOR PEREIRA – 1,08%
JOÃO ARAGÃO – 0,93%
ARMÊNIO SANTOS – 0,46%
RAFAEL NUNES – 0,15%

NÃO SABEM/NÃO RESPONDERAM – 7,60%
NULO/BRANCO – 9,78%

 

 

 

 

Anúncios

10 comentários em “Pesquisa feita em Vitória da Conquista antecipa nomes mais fortes de pré-candidatos a prefeito

  1. Esse Giorlando sempre foi um defensor do pt. Essa pesquisa não tem nenhuma credibilidade.

    • Fidelis, já defendi muita gente, como defendo o seu direito de se manifestar, mas eu não fiz a pesquisa, não encomendei e não paguei por ela, apenas tomei conhecimento e achei que deveria repassar para mais pessoas conhecerem, discordando ou não dela. Obrigado.

  2. Ilza Oliveira nascimento

    O PT agoniza em todo país, tem uma pequena sobrevida na Bahia graças ao governador Rui Costa, que inteligentemente desvincula sua imagem dessa sigla que esta ficando no passado, não acredito que em Conquista o eleitor vá caminhar prá trás.

  3. Guilherme sempre. O melhor de todos

  4. Eu ainda continuo com Marcelo Melo. Meu candidato.

  5. Guilherme imortal 13 neles

  6. JOSÉ ALVES PEREIRA

    HERZEM GUSMAO NUNCA MAIS NEM PRA PRESIDENTE DE ASSOCIAÇAO DE BAIRRO……

  7. O mal prefeito precisa explicar a troca do clube social por uma area no boa vista com 80 mil m2 com a empreiteira. E as multas que estao aplicando na populaçao

  8. Guilherme ou Zé Raimundo e a cidade será muito bem cuidada. PT neles

    • As praças acabaram com o.pt , pt foi.bom.para.muitas.obras mas.para.urbanização em.conquista uma.negação , hj a cidade esta mais.bonita.mesmo.com.as.deficiencias do.atual.prefeito

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: