Anúncios

Time do Vitória da Conquista sai da lanterna para a sexta posição, com primeira vitória no Baianão 2019

Mais uma vez o ECPP Vitória da Conquista foi para o intervalo do jogo vencendo e mais uma vez permitiu que o adversário empatasse logo depois. Porém, diferente do que aconteceu domingo, quando empatou em 2 a 2 com o Atlético, no Lomantão, o Bode conquistense conseguiu sair do sufoco e fazer o segundo, aos 45 minutos no jogo com a Jacuipense, na casa do adversário, em Riachão do Jacuípe.

E a última vítima do Bode no Baianão do ano passado é a primeira este ano. O placar foi o mesmo do jogo entre os dois times em 2018, quando o Vitória da Conquista conseguiu a sua última vitória no Campeonato Baiano antes da partida de quarta-feira, confirmando a freguesia do Leão Grená. Os gols foram marcados por Gustavo (30 minutos do primeiro tempo) e Tatu (aos 45 do segundo tempo). O da Jacuipense foi de Wellington (24 minutos do segundo tempo), cobrando pênalti.

Com a vitória o Bode chega a quatro pontos e assume a sexta posição, à frente do Jacobina – que já jogou pela quarta rodada e tem apenas dois pontos –  do Atlético – que empatou com o Bahia em 1 a 1, tem a mesma pontuação do alviverde de Conquista, mas não venceu ainda nenhuma partida (mais vitórias é o primeiro critério de desempate) e do Juazeirense – que só vai fazer o seu jogo da quarta rodada com o Fluminense no dia 20, por causa da partida contra o Vasco, pela Copa do Brasil. Já a Jacuipense fica na lanterna, com apenas um ponto e quatro gols negativo de saldo.

CONTRA O JIPÃO

No domingo (10), às 16 horas, o ECPP Vitória da Conquista receberá no estádio Lomanto Júnior o time do Jequié. Os dois só se enfrentaram uma vez, com vitória do representante da Cidade Sol, por 1 a 0, no Lomantão. Na vitória do ano passado foi lembrado que o estádio foi construído por um jequieense, o ex-governador que emprestou seu nome ao campo, e a vitória foi encarada como uma homenagem ao time da terra dele.

Agora, já não precisa mais de homenagens desse tipo. Tem que vencer, para que o perigo do rebaixamento não continue rondando o Bode, que escapou do Carcará e do Leão Grená e não pode nem pensar em ser atropelado pelo Jipão. No domingo, o Vitória da Conquista será dirigido por Elias Borges, que em Riachão do Jacuípe só acompanhou o trabalho do interino Guilhermino Lima.

Para quem não é muito ligado no futebol baiano do interior: Bode é o apelido do Esporte Clube Primeiro Passo Vitória da Conquista; Carcará é o Atlético de Alagoinhas; Leão Grená é a Jacuipense e Jipão é a alcunha da Associação Desportiva Jequié.


FOTO DESTAQUE: TATU, AUTOR DO GOL DA VITÓRIA (Arquivo)

Anúncios

Comente

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: