Ibope | Maioria aprova política de segurança e educação de Bolsonaro, mas desaprova demais áreas de atuação


Pesquisa do Ibope divulgada nesta quarta-feira (24) mostra que o governo do presidente Jair Bolsonaro continua patinando próximo da desaprovação, depois de quatro meses. O levantamento, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), mostra que Bolsonaro é aprovado por 35% da população (respostas “bom” e “ótimo”), enquanto 27% acham que é ruim ou péssimo. A diferença de 8 pontos percentuais é positiva. Acham o governo regular 31% dos entrevistados do Ibope e outros 7% não sabem ou não responderam.

Na pesquisa anterior, feita há um mês, o Ibope constatou que a aprovação do governo era ainda menor, com 34%, que seria, segundo o instituto, a pior dos últimos 24 anos. Naquela data 34% consideravam o governo regular e 24% o consideravam ruim ou péssimo. A diferença positiva era de 10%. Não souberam opinar ou não responderam, 8%.

Quando perguntados se aprovavam ou desaprovavam a maneira de governar 51% responderam positivamente e 40% negativamente. Os outros 9% não souberam avaliar ou não responderam. Sobre as perspectivas com relação ao restante do governo, 45% acham que será bom ou ótimo, enquanto 23% acham que será ruim ou péssimo e 25% que será regular.

O BLOG separou os resultados da avaliação do governo por área de atuação. A pior avaliação é quanto aos juros. Só 33% aprovam a política do governo; 57% desaprovam e 11% não sabem ou não responderam. Depois vem impostos: 35% aprovam, 56% desaprovam e 9% não sabem, não responderam.

Segundo a pesquisa do Ibope a atuação de Bolsonaro na área social também não empolga. Apenas 45% dos entrevistados disseram aprovar a atuação do governo no combate ao desemprego. Os que desaprovam são 49% e 6% não opinaram. O combate à fome e a pobreza tem apenas 46% de aprovação, enquanto 47% desaprovam e o restante não opinou. O combate à inflação tem uma avaliação parecida: 47% de desaprovação e 45% de aprovação, com 8% que não souberam avaliar ou não responderam.

Na área de saúde a percepção é ainda mais negativa, com 51% dos pesquisados respondendo que desaprovam a atuação do governo Bolsonaro para o setor, 42% aprovam e 7% não opinaram.

Mas, nem toda avaliação é negativa. Em três áreas os pesquisados aprovam a gestão de Jair Bolsonaro: Meio Ambiente, Educação e Segurança Pública. Aprovam a atuação do governo no Meio Ambiente 48%, desaprovam 42% e não sabem ou não responderam 10%. Na Educação, 51% aprovam, 44% desaprovam e 6% não sabem ou não responderam. Área que foi um dos pontos mais incisivos do discurso de campanha de Bolsonaro e que ele confiou ao ex-juiz Sérgio Moro, uma celebridade nacional, a Segurança Pública tem a melhor aprovação do governo, com 57% de aprovação e a menor desaprovação entre todas, 40%. Não souberam ou não responderam, 3%.

A aprovação da maneira de governar do presidente ficou em 51%, a desaprovação 40% e 9% não souberam avaliar ou não responderam. A confiança no presidente também tem resultado positivo, de acordo com a pesquisa do Ibope. Confiam: 51%; não confiam: 45%; não sabem/não responderam 4%.

Para ver a pesquisa completa, clique aqui.


Comente