Anúncios
Polícia Sociedade

Denúncia contra ginecologista | Médico decide falar. Mais mulheres procuram a polícia

Banner GIF Câmara


900x100.Banner-MadeireiraSudoeste-Cancelas

A delegada Dercimária Cardoso Gonçalves, da Delegacia de Atendimento Especial à Mulher (Deam) de Vitória da Conquista, continua ouvindo mulheres que acusam o médico ginecologista Orcione Ferreira Guimarães Junior, 40 anos, de assediá-las sexualmente durante consultas e exames. Na manhã desta quarta-feira (15), três denunciantes foram ouvidas e mais três devem prestar depoimento esta tarde. A denúncias começaram a surgir na sexta-feira (10), por meio de um perfil no Instagram (@diganaovca), que já alcançou mais de 6.750 seguidores.

O número de mulheres que denunciam o médico tem aumentado e passa das 24 que procuraram a OAB na segunda-feira (13) pedindo apoio jurídico. Segundo a advogada Andressa Gusmão, que defende algumas das mulheres que se dizem vítimas do médico, pelo mais uma quer prestar depoimento à polícia contra o médico. Segundo a advogada, a delegada Dercimária Cardoso Gonçalves,  deverá agendar mais três novos depoimentos para a tarde desta quarta-feira. “Uma mulher entrou em contato e disse que quer registrar o quanto antes porque está muito apreensiva, muito nervosa com toda situação”, narrou Andressa Gusmão.

Já o médico Orcione Júnior vai falar com a imprensa na sexta-feira, às 9h00, segundo o advogado dele, Paulo de Tarso Magalhães David.

Atualização às 18h09: O advogado Paulo de Tarso informou, agora há pouco ao BLOG, que não sabe se cliente dele, o médico Orcione Júnior estará presente na entrevista coletiva à imprensa, que será dada pelo próprio advogado.

O caso já ganhou repercussão nacional, com matérias em jornais, rádios, TVs e sites, a exemplo do blog do jornalista Fausto Macedo, do Estadão (https://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/). Nas redes sociais são centenas de comentários, incluindo mulheres que defendem o médico, que tem uma carreira muito sólida em Vitória da Conquista.

 

 

Anúncios

0 comentário em “Denúncia contra ginecologista | Médico decide falar. Mais mulheres procuram a polícia

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: