Anúncios
Política

Bolsonaro vai ouvir Moro nesta terça sobre conteúdo de mensagens divulgadas pelo site The Intercept

O presidente Jair Bolsonaro deverá ter uma reunião com o ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, nesta terça-feira (11) no Palácio do Planalto, para ouvir suas explicações acerca das mensagens reveladas pelo site “The Intercept” ontem. A informação foi passada pelo porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros.

O site publicou reportagem em que apresenta mensagens trocadas por Moro e procuradores da Força Tarefa da Operação Lava Jato, por meio do aplicativo Telegram. De acordo com The Intercept, quando era o juiz responsável pela Lava Jato no Paraná, Sérgio Moro orientou ações e discutiu estratégias com os procuradores, em especial relacionadas ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, no caso do triplex do Guarujá.

Moro negou, em entrevista coletiva em Manaus (AM) ter dado orientações aos procuradores e disse que as conversas mostradas na reportagem não mostram nada de anormal, não seriam, segundo o ministro da Justiça, prática ilegal.

O porta-voz Otávio Rêgo Barros comunicou que: “Em relação às notícias referentes ao vazamento de informações sobre a Operação Lava Jato, o presidente da República não se pronunciará a respeito do conteúdo de mensagens e aguardará o retorno do ministro Moro para conversar pessoalmente, em princípio, amanhã”.

Otávio Rêgo Barros disse que o encontro é “importante” para que o presidente saiba de Sérgio Moro o que o mesmo pensa das mensagens e, a partir da conversa, “traçar linhas de ação” e estratégias para o país avançar em direção ao “rumo certo”.

CORREGEDORIA APURA

Segundo o G1, diante do conteúdo revelado pelo The Intercept, o corregedor do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Orlando Rochadel, decidiu apurar se o procurador da República no Paraná Deltan Dallagnol e outros integrantes da força-tarefa cometeram “falta funcional”.

Ainda no domingo, após a divulgação das mensagens, a assessoria do Ministério Público Federal no Paraná divulgou uma nota na qual afirmou que a atuação dos procuradores é “revestida de legalidade, técnica e impessoalidade”. Afirmou também que os integrantes da força-tarefa estão à disposição para prestar esclarecimentos sobre os fatos.

Anúncios

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 56 anos de idade, 40 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

0 comentário em “Bolsonaro vai ouvir Moro nesta terça sobre conteúdo de mensagens divulgadas pelo site The Intercept

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: