Anúncios
Polícia Sociedade

Batalhão de Itabuna abrirá investigação para apurar confusão entre PM e jornalista

Depois da grande repercussão de um vídeo que mostra o soldado PM Sakuyama envolvido em uma confusão com a apresentadora da TV Cabrália/Record Lo-Hanna Magnativa e o marido dela, na cidade de Itabuna, uma investigação será aberta para apurar responsabilidades. A informação foi passada ontem à noite ao BLOG pelo Coronel Walter Menezes, diretor do Departamento de Comunicação Social (DCS) da Polícia Militar da Bahia.

Segundo o oficial “o Batalhão da PM, situado em Itabuna, abrirá um feito investigatório, para apurar essa situação”. O Coronel disse que a expectativa é de que tudo seja esclarecido e a relação da Polícia Militar com a imprensa continue tranquila. “Esperamos que tudo seja esclarecido e o bom convívio da nossa PMBA com todos profissionais da imprensa, continue muito bem!”, disse o diretor do DCS, informando que a orientação do comandante geral Anselmo Brandão é que haja o maior empenho para resolver a crise que teria surgido após o episódio. “Estamos às ordens e vamos nos empenhar para sanar essa crise! Essa é a orientação do nosso Comandante Geral”, afirmou.

RELEMBRE

No vídeo, a jornalista, que foi afastada ontem da TV Cabrália, e o marido dela discutem com o policial , alegando que ele teria cometido excesso ao usar a arma durante ação para evitar um roubo em um supermercado do bairro Conceição. Lo-Hanna e o marido protestam enfaticamente contra o policial, que estava à paisana e armado, o que é autorizado pela lei. A discussão ocorreu no meio da rua, na terça-feira, e acaba em violência. O PM diz que agiu para evitar o roubo e que aquele é o seu trabalho, mas a jornalista insiste que houve excesso da parte dele, segundo ela por ele estar armado. A apresentadora chega a dizer que a ação do PM foi pior do que o ato cometido pelo ladrão, que não aparece no vídeo.

A certa altura da confusão, o policial Sakuyama guarda a arma no bolso e reage aos xingamentos, acertando um soco no marido da jornalista, que tenta reagir, mas ouve-se o tempo todo ela dizendo para ele não bater no PM, para não se igualar a ele. A briga prossegue por mais de um minuto. O vídeo registra o momento em que o policial tenta tirar o celular da mão de Lo-Hanna e o aparelho cai. Ela pede que alguém chame a polícia. O vídeo termina sem que se saiba o que ocorreu depois.

Anúncios

14 comentários em “Batalhão de Itabuna abrirá investigação para apurar confusão entre PM e jornalista

  1. O policial fez o serviço dele não importa se estava de serviço ou não, agora se ela fosse outra estaria apoiando o trabalho do policial e não falando merda como mostra ela é tão certinha que foi demitida tem que investigar essa moça deixa o policial trabalhar em paz tem que ganhar o mérito de ter salvo vidas.

    • Aylton Benevides de Souza Junior

      Os deputados e senadores tem é que aprovar uma lei que penalizem quem interferir em ocorrência policial em andamento. Ai sim a coisa vai mudar. Pena superior a dois anos para dar flagrante.

  2. Ele empurrou o policial, provocou, não manteve distância, desacatou, xingou, gritou. O policial é um ser humano e fazer o certo e ainda ser atacado desse jeito torna difícil manter a paciência. Julgar o fato sem ter sido vítima dele é fácil.

  3. É preciso destacar a diferença, o POLICIAL é Policial 24 horas, com farada ou sem, responde pelos excessos, da a vida pela sociedade, e “jornalista” não é jornalista 24 hrs, ela o é no horário de trabalho dela, ali é só uma cidadã, que deixou inclusive de ser ao defender bandido e atacar, irritar, um Policial. O Comando só deve abrir inquérito na minha opinião se houver representação, com fundada acusação. Não há conflito entre a Imprensa e a PM, mas entre uma pessoa que se diz jornalista contra a PM. Faça-me o favor.

  4. Vcs ainda vão tentar raciocinar. Séria bom se o jovem que estava cometendo o delito estivesse armado e seria vc a vítima. É bom todos concordar em ter o SAF.

  5. Se for provado que o policial estava armado tentado evitar um assalto nesse caso a jornalista e seu marido foram infelizes ao defender o bandido atrapalhando assim o trabalho da polícia que tem como prioridade defender a população.Não entendi o pq de questionar o policial de usar a arma se os bandidos estão sempre muito bem armados acaso queriam eles que o policial estivesse desarmado colocando a vida em risco,realmente não entendi essa jornalista será que se fosse a casa dela que estivesse sendo roubada ela teria a mesma atitude de proteger o ladrão sera que estaria defendendo o bandido se seu veiculo tivesse sido roubado?? Melhor ela repensar pq com certeza nao estudou e fez jornalismo para defender assaltantes isso é uma vergonha e ainda desmoralisou a grande emissora onde trabalhava pq a Record não precisa de funcionários que não conhece o seu lugar. E o policial precisa do apoio da corporação e tbm do povo de itabuna que realmente está necessitando de proteção e mais policiais de atitude que mesmo a paisana foi defender o comércio que estava sendo assaltado esse policial merece nosso respeito e gratidão.

  6. Um absurdo o que essa mulher fez , o policial já arrisca sua própria vida pra nós nós defender, e ainda tem pessoas que quer se aparecer na mídia defendendo um bandido , isso é Brasil, por Esso motivo que a marginalidade está crescendo a cada dia mais, parabéns polícial . Deus no comando sempre

  7. ESDRAS LOPES DOS REIS

    Essa jornalista esquerdistas sò sabe proteger bandido ..
    porra deixa o policial fazer o serviço em paz c…já é difícil ser Polícia nesse pais ,e ainda aparece ums merda desse

  8. jirlan ferreira

    Pelo amor de Deus. O policial está certíssimo.se fosse um cidadão de bem ela não teria defendido tanto assim. E o marido dela foi pra cima do polícia. Tinha q ir preso

  9. Não investigam nada, dois policiais me bateram no Hospital de base, falaram que eu estava drogado. Sou Cabelo Black Armadão, acharam que eu era realmente um drogado…sou Professor. Faz três anos e até hoje nem eu na resposta. Robson Santos Costa.

  10. Romário Bispo Lima

    Espero que eles possam da uma medalha para o Policial. Pois esses guerreiros que tanto arriscam a vida para manter a ordem, nessa cidade. Parabéns a Polícia Militar pelo seu excelente trabalho.

  11. Elaine Silva Santos Costa

    Pois é, acho que o policial se segurou até muito, o tal marido da repórter foi nitidamente arrogante e tentou a todo tempo intimidar o policial. Ela, gritando como uma louca dizendo que não importava que o ladrão tivesse roubado. Acho que o vídeo foi um tiro no pé do casal, o policial ágil tentando se esquivar dos dois loucos. Digo uma coisa, apanhou foi pouco.

  12. Jefferson Luis Gerber

    Se rolar uma vakinha pra ajudar a pagar os advogados desse policial eu ajudo com muito prazer, parabens guerreiro.

  13. E por causa de pessoas assim q a vagabundagem esta desse jeito os defensores de vagabundo ! Ela e uma idiota pegue o ladroa e ponha dentro se casa

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: