Ministério da Saúde suspende temporariamente o fornecimento da vacina pentavalente

A Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria de Saúde, informa que a vacina pentavalente – que protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e hemófilo B – está em falta nas Unidades Básicas de Saúde do Município, em virtude da suspensão do fornecimento por parte do Ministério da Saúde. A vacina é distribuida pelo governo federal ao estado que a repassa aos municípios, responsáveis pela distribuição às unidades de saúde, na medida em que ela chega.

O Ministério da Saúde comunicou, por meio de Nota Informativa Nº 190/2019, a interrupção do fornecimento do imunizante por conta de lotes reprovados em teste de qualidade, feitos pelo Instituto Nacional de Qualidade em Saúde (INCQS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A previsão é de que a distribuição dos novos lotes da vacina pentavalente seja restabelecida nas unidades de saúde a partir do mês novembro. Mas, ainda assim, a Prefeitura reitera que a Vigilância Epidemiológica do município continua trabalhando no monitoramento de todos os casos suspeitos de doenças imunopreveníveis.

POSIÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE

Segundo informações do portal do Ministério da Saúde, o mesmo solicitou a reposição do fornecimento da vacina pentavalente à Organização Pan Americana da Saúde (Opas), no entanto, não há disponibilidade imediata da vacina no mundo. A compra de 6,6 milhões de doses começou a chegar de forma escalonada em agosto ao Brasil. A previsão é que o abastecimento voltará à normalidade a partir de novembro. Quando os estoques forem normalizados, o Sistema Único de Saúde fará uma busca ativa pelas crianças que completaram dois, quatro ou seis meses de idade entre os meses de agosto e novembro para vaciná-las.

O país demanda normalmente 800 mil doses mensais dessa vacina. O abastecimento está parcialmente interrompido desde julho, situação comunicada aos Estados e municípios.

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente

%d blogueiros gostam disto: