Matriz da Frutos de Goiás repele mensagens de ódio e diz que não tem mais loja em Vitória da Conquista


Atingida pela repercussão de postagens com incitação ao ódio e à violência contra mulheres, autoridades e políticos feitas pelos antigos proprietários da franquia da marca em Vitória da Conquista, a matriz da indústria de sorvetes Frutos de Goiás, sediada em Goiânia (GO), entrou em contato com o BLOG para esclarecer que não tem nenhuma relação com as mensagens, repudia o teor das mesmas e que “está em busca do descobrimento da verdade a respeito daquele perfil denunciado, e adotará as medidas necessária para preservar a integridade do nosso prestígio perante o mercado, coibindo o uso indevido de seu nome comercial”.

Nas postagens, feitas em um perfil de Facebook já desativado, com identificação da Frutos de Goiás de Vitória da Conquista, defende o estupro de mulheres petistas, incita violência contra o ministro do STF, Gilmar Mendes, a quem deseja que seja morto e tenha o partes do corpo espalhadas pelo Brasil, e contra o ex-presidente Lula, que, segundo o perfil, se vier morar na Bahia será morto a facadas.

Na terça-feira (12), os partidos políticos PT, PCdoB e PSB e entidades femininas deram entrada no Ministério Público Estadual (MPE) com uma representação pedindo que sejam apuradas as responsabilidades pelas postagens feitas em perfil com o nome da empresa, para que os autores das mensagens sejam devidamente punidos pela Justiça. Na segunda, um representante da Sorveteria Frutíssimo, que funciona no mesmo endereço onde funcionou a Frutos de Goiás de Vitória da Conquista, entrou em contato com o BLOG para repudiar o conteúdo das mensagens e explicar que não tem nenhuma relação com a empresa que ocupava o local, sendo ligada a outra franquia, do estado do Espírito Santo.

LEIA A NOTA DA FRUTOS DE GOIÁS

“Chegou ao conhecimento desta Indústria a informação de que um perfil denominado “Frutos De Goiás Vitória da Conquista” tem divulgado na internet mensagens de apologia ao cometimento de crime e conteúdo com discurso de ódio contra autoridades públicas e cidadãos em geral, tais como mencionado no seguinte site: https://blogdegiorlandolima.com/2019/11/11/sorveteria-de conquista-divulga-mensagens-deodio-no-facebook-e-provoca-reacoes/ fbclid=IwAR0FWhLXI8GGbGTydj1n7gsSkHFezASWW1UXeT5WvpvHRQyFkBnFNJ91go

Esclarecemos prontamente que o referido perfil, em que pese parecer ter sido desativado das redes sociais, não é autorizado por esta titular da marca Frutos de Goiás, e de modo algum expressa a opinião oficial desta entidade sobre tais assuntos. Ao contrário, somos uma sociedade empresária apartidária, com objetivos exclusivamente sócio-econômicos, em uma exploração regular e saudável do mercado com bens de primeiríssima qualidade, amplamente acreditados em nível nacional e até internacional.

Em nosso sistema de concessão de uso de marca e exploração comercial de sorvetes, franqueamos a interessados exclusivamente tais direitos, de modo que nenhum fraqueado está autorizado a emitir em nosso nome opinião política, de classe, crença, gênero, origem, tradição ou que de qualquer forma atente contra os valores morais da sociedade e em especial a dignidade da pessoa humana.

Neste sentido, informamos a V.Sa. que a indústria está em busca do descobrimento da verdade a respeito daquele perfil denunciado, e adotará as medidas necessária para preservar a integridade do nosso prestígio perante o mercado, coibindo o uso indevido de seu nome comercial. Frutos de Goiás Indústria e Comércio de Sorvetes Ltda.
Contato: (62) 3251-9960
sac@frutosdegoias.com.br
http://www.frutosdegoias.com.br

Sendo oportuno, agradecemos pela notícia reportada por este respeitável veículo de comunicação, o que garantiu tomarmos conhecimento do fato, ao mesmo tempo em que somos gratos também pela oportunidade em trazer tão valioso esclarecimento aos leitores, do que pedimos respeitosamente seja a todos divulgado.

Sinceramente,
FRUTOS DE GOIÁS INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE SORVETES LTDA.
A Diretoria”

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente