Depois de dez anos, dezembro de 2019 teve saldo positivo de empregos formais, mas ano fecha abaixo de 2018

Com aproximadamente 18% da sua população empregada com carteira assinada e taxa de desocupação beirando os 16%, Vitória da Conquista passa pelas mesmas dificuldades das cidades médias brasileiras quando o assunto é emprego. No entanto, os últimos dois anos fecharam com saldo positivo. E em dezembro, depois de dez anos, houve mais contratações do que demissões, considerando empregos com carteira assinada. O saldo, nove empregos, é baixo, mas é a primeira vez que não é negativo desde 2010 (primeira tabela no final da matéria)

No geral do ano, foram preservados 972 postos de trabalho, números bem menor que o de 2018, quando foram criados 1.730 empregos, mas acima os de 2017, 2016 e 2015, todos com resultado negativo. (Ver segunda tabela). Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, responsável pelo registro permanente de admissões e dispensa de empregados no Brasil.

O setor com melhor desempenho foi o comércio, que manteve 91 empregos de carteira assinada no ano. Em seguida veio o setor de serviços, que, apesar de ter contratado mais, também demitiu mais, gerando um saldo de 51 postos de trabalho formais. Já atividades importantes como indústria de transformação, construção civil e agropecuária cortaram empregos. (Ver terceira tabela).

Quem teve o maior saldo negativo foi a construção: cortou 126 postos de trabalho; a agropecuária 10 e a indústria seis. O setor do extrativismo mineral também demitiu mais do que contratou, com saldo de 22 empregos a menos. Já administração pública e autárquica e serviços industriais de utilidade pública, conseguiram preservar sete vagas o primeiro e quatro o segundo.

O setor que mais emprega em Vitória da Conquista, com carteira assinada, é o de serviços, com cerca de 43% dos postos de trabalho, de acordo com o Caged. O comércio responde por 29% e a indústria, por 17,5%. Construção, com 6,2% dos empregos formais, agropecuária, com 2,5%, serviços industriais de utilidade pública, 0,9%, administração pública (autarquias), 0,5% e extrativismo mineral respondem pelo restante.

No mês de dezembro, o comércio e serviços conseguiram manter a maior quantidade de empregos. Também tiveram saldos positivos a administração pública e autárquica e o setor de serviços industriais de utilidade pública. Construção civil, extrativismo mineral, agropecuária e a indústria puxaram os números para baixo, resultando em um saldo pequeno de nove empregos mantidos, mas, ainda assim, o melhor saldo desde 2009, último em que o resultado foi positivo. (Quarta tabela)

No ranking que o BLOG prepara todo mês com o desempenho dos 11 maiores municípios do estado, incluindo Salvador, Vitória da Conquista ocupa a sexta posição, considerando o saldo de postos de trabalho com carteira assinada, com 972 empregos, logo abaixo de Juazeiro e acima de Camaçari. (Quinta tabela)

MÊS DE DEZEMBRO ADMISSÕES DESLIGAMENTOS SALDO
2019 1.468 1.459 9
2018 1.287 1.425 -138
2017 1.295 1.450 -155
2016 1.181 1.299 -118
2015 1.313 1.930 -617
2014 1.575 1.888 -313
2013 1.290 1.554 -264
2012 1.516 2.189 -673
2011 1.969 2.268 -299
2010 1.552 1.620 -68
2009 1.392 1.305 87

 

ANO ADMISSÕES DESLIGAMENTOS SALDO
2019 20.999 20.027 972
2018 20.765 19.135 1.630
2017 17.885 18.570 -685
2016 18.191 19.502 -1.311
2015 20.692 22.813 -2.121
2014 26.076 25.937 139

 

SALDO DE EMPREGOS POR SETOR EM 2019

SETOR ADMISSÕES DEMISSÕES SALDO
SERVIÇOS 8.009 7.491 518
COMÉRCIO 6.198 6.002 196
INDÚSTRIA 3.304 3.162 142
CONSTRUÇÃO CIVIL 2.789 2.648 141
AGROPECUÁRIA 491 560 -69
SERVIÇOS INDUSTRIAIS DE UTILIDADE PÚBLICA 107 69 38
ADM. PÚBLICA E AUTÁRQUICA 91 63 28
EXTRATIVA MINERAL 10 37 -27
TOTAL 20.999 20.027 972

 

SALDO DE EMPREGOS POR SETOR EM DEZEMBRO DE 2019

SETOR ADMISSÕES DEMISSÕES SALDO
SERVIÇOS 560 509 51
COMÉRCIO 549 458 91
INDÚSTRIA 197 203 -6
CONSTRUÇÃO CIVIL 121 247 -126
AGROPECUÁRIA 22 32 -10
SERVIÇOS INDUSTRIAIS DE UTILIDADE PÚBLICA 9 5 4
ADM. PÚBLICA E AUTÁRQUICA 8 1 7
EXTRATIVA MINERAL 10 32 -22
TOTAL 1.468 1.459 9

 

DESEMPENHO NA MANUTENÇÃO DOS EMPREGOS

DE CARTEIRA ASSINADA EM 2019

(RANKING POR SALDO)

  ADMISSÕES DESLIGAMENTOS SALDO
BARREIRAS 13.871 11.978 1.893
PORTO SEGURO 13.711 12.372 1.339
JEQUIÉ 6.463 5.152 1.311
SALVADOR 188.270 187.081 1.189
JUAZEIRO 16.672 15.668 1.004
VITÓRIA DA CONQUISTA 20.999 20.027 972
CAMAÇARI 27.600 26.733 867
ILHÉUS 7.440 6.586 854
FEIRA DE SANTANA 34.277 33.548 729
TEIXEIRA DE FREITAS 7.957 8.700 -743
ITABUNA 7.716 8.476 -760
LAURO DE FREITAS 37.692 40.894 -3.202

 

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente