Pior fase | Vitória da Conquista empata com sublanterna e continua sem vencer no Baianão



Com todo respeito que merece o Doce Mel, time de Ipiaú estreante no campeonato baiano, o resultado do jogo deste domingo contra o Vitória da Conquista, mais do que mostrar mérito de clube ipiauense demonstra que o adversário não é o pior time baiano neste momento porque o próprio Doce Mel e o Jacobina não deixam.

Desde que ascendeu à primeira divisão do Baianão, o ECPP Vitória da Conquista nunca chegou à sexta rodada sem vencer, como nunca teve tão poucos pontos no mesmo número de jogos. Este ano foram quatro empates e duas derrotas, seis gols tomados e três marcados. Somente quatro pontos.

Com o empate do domingo, em Ipiaú, o Vitória da Conquista manteve-se em oitavo lugar, apenas um ponto a mais que o estreante Doce Mel e três acima do Jacobina. Os três ainda não venceram na competição. Com a aproximação do fim do campeonato o time conquistense entra na fase angustiante de ter que vencer suas partidas e ainda torcer contra os outros dois que estão depois dele na tabela. Um deles cairá para a segunda divisão.

O próximo jogo do ECPP será em casa, no domingo que vem, no Estádio Lomanto Júnior, contra o Fluminense. É uma grande oportunidade de sair do sufoco e dar uma resposta aos anseios da torcida e justificar, pelo menos, o investimento de dinheiro público feito pela Prefeitura no clube. Já o Doce Mel vai à Fonte Nova enfrentar o líder Bahia e o Jacobina vai tentar sair da lanterna em Feira de Santana, contra o Bahia de Feira,

Se tudo continuar igual nas próximas duas rodadas, pode acontecer que o ECPP e o Jacobina joguem a última partida do Baianão no desespero para ver quem fica no escalão de cima do futebol baiano. É bom lembrar que o Bode nunca venceu o Jegue da Chapada, que tem larga vantagem sobre times conquistenses. Na estreia do Campeonato Baiano venceu o Serrano por 3 a 1, no Lomantão. No ano seguinte, os dois times não jogaram um com o outro. Em 2017, jogando em casa, o Vitória da Conquista só empatou. Em 2018 e em 2019, pior ano do time jacobinense, o ECPP perdeu em Jacobina, por 2 a 0 e 2 a 1, respectivamente.

HISTÓRICO DO JACOBINA VERSUS TIMES CONQUISTENSES

2019

Jacobina 2 – 1 ECPP

2018

Jacobina 2 – 0 ECPP

2017

ECPP 1 – 1 Jacobina

2016

2015

Serrano 1 – 3 Jacobina


FOTO: ARQUIVO | CRÉDITO: LUCIANA FLORES

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente