Por causa do coronavírus | ACM Neto baixa decreto proibindo eventos com mais de 500 pessoas em Salvador


Salvador já tem três casos confirmados do novo coronavírus e, pelo menos, 50 casos suspeitos. A situação preocupa as autoridades e exigem ações de prevenção urgente. E o prefeito ACM Neto, levando em consideração o quadro, que tende a se agravar, visando evitar a propagação do coronavírus na capital, baixou, neste sábado (14). O primeiro proíbe qualquer evento ou atividade para mais de 500 pessoas na cidade a partir da próxima segunda-feira (16) e o outro obriga a todos os funcionários públicos municipais vindos da Europa, China, Irã e Estados Unidos a ficarem sete dias de isolamento para verificar se contraíram ou não o Coronavírus. Os decretos serão publicados em uma edição extra do Diário Oficial do Município.

ACM Neto justificou em suas redes sociais as motivações para as duas medidas e explicou que os servidores que forem fazer qualquer tipo de viagem estão obrigados a comunicar ao secretário da pasta. “Essas são medidas preventivas para os cidadãos soteropolitanos. Cada um fazendo a sua parte, vamos passar mais rapidamente por este momento de dificuldade”, escreveu o prefeito em seu Twitter.

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente