Prefeitura de Conquista nega que crianças no Esaú Matos estejam com suspeita de coronavírus. Cidade tem seis casos em observação


Alguns blogs de Vitória da Conquista noticiaram a internação de duas crianças com suspeita de coronavírus no Hospital Municipal Esaú Matos, mas a notícia foi desmentida pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). De acordo com a secretaria, as crianças estão com “um quadro sugestivo para infecção viral e não se enquadram nos critérios para os casos de suspeita de Covid-19, dispensando a necessidade de testagem laboratorial até o momento”.

No entanto, segundo a SMS, a mãe das crianças é um dos casos suspeitos da doença em Vitória da Conquista. Ela teria tido contato com uma pessoa que esteve em Portugal, por isso a Secretaria de Saúde orientou isolamento domiciliar dela, com agendamento de coleta laboratorial e monitoramento.

As crianças teriam apresentado quadro viral na tarde da segunda-feira (16), mas a mãe saiu do isolamento domiciliar por cota própria, sem comunicação prévia com a Vigilância em busca do serviço de pronto atendimento para os filhos.

SEIS CASOS SUSPEITOS

De acordo com informações oficiais da SMS, surgiram dois novos casos de suspeita de coronavírus ontem, totalizando 15 casos notificados com suspeita clínica de infecção pelo novo Coronavírus (COVID-19), dos quais nove foram descartados laboratorialmente e seis aguardam resultado da análise das amostras enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), do Governo do Estado.

Já foram feitas as coletas laboratoriais dos pacientes que estão em isolamento domiciliar e apresentam sintomas de síndrome gripal leve, sem qualquer sinal de agravamento. A equipe médica da Vigilância Epidemiológica está avaliando e monitorando diariamente todos os casos.

A Secretaria Municipal de Saúde reforça que caso alguém apresente febre ou, pelo menos, um sintoma respiratório, esteve em viagem para as áreas de transmissão ou em contato com pessoas desse perfil, é necessário entrar em contato, imediatamente, com o setor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde para notificação e investigação, por meio dos contatos: 3429-7403/7405/7411.

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente