Núcleo de Educação do PT no Congresso quer adiar Enem e anistiar taxa de alunos de escola pública


A realização do Enem 2020 deve ser adiada até que as escolas públicas que ofertam ensino médio concluam o atual ano letivo, paralisado com a quarentena decorrente da pandemia do Coronavírus. É o que defende o Núcleo de Educação do PT no Congresso Nacional, em nota pública definida durante reunião virtual, realizada na sexta-feira (3), via vídeoconferência.

O Núcleo, composto por deputados federais e senadores do PT, assessores e representantes de entidades da educação brasileira,sob a coordenação do deputado federal Waldenor Pereira propõe também que o poder executivo isente da taxa de inscrição todos os estudantes das escolas públicas, que integram as famílias mais afetadas pelos impactos econômicos da pandemia.

De imediato, o núcleo defende a suspensão dos editais do Enem, versões impressa e digital, seguida de publicação de novos editais prevendo prazos mais extensos para justificativa de ausência no Enem 2019 e inscrição no Enem de 2020.

Na reunião para discutir a apresentação de emendas à MP 934/2020 e edital do INEP para o ENEM 2020, o Núcleo concluiu que a Medida Provisória chega em momento oportuno. “Compreendemos no entanto, que esta MP poderia ser melhor elaborada, caso o governo dialogasse com as entidades representativas dos estudantes, profissionais da educação, gestores e especialistas em busca de medidas para enfrentamento da crise”, defendeu Waldenor Pereira.

Os deputados e entidades que compõem o núcleo se mostraram bastante preocupados com a situação de emergência e suas consequências na área de educação, principalmente, quanto a garantia do emprego.Por isso, se comprometeram a realizar reuniões virtuais semanais , até que cesse o período crítico do coronavírus, para tratar de medidas de apoio aos profissionais da educação, estudantes e instituições de ensino e preservação de parâmetros  mínimos de qualidade.


TEXTO E FOTO DA ASSESSORIA DO DEPUTADO WALDENOR PEREIRA

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente