Assembleia Legislativa torna uso de máscara obrigatório em 92% das cidades da Bahia, incluindo Conquista

A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) aprovou, nesta terça-feira (28) a ampliação da obrigatoriedade do uso de máscara protetiva para toda a população, nos 385 municípios da Bahia em que estão em vigor os decretos legislativos que reconhecem o estado de calamidade pública, assim como naqueles em que foram registrados casos da doença. Em mais uma sessão plenária virtual, foi aprovado, em dois turnos, pela unanimidade dos 56 deputados presentes, o projeto de lei 23.848/2020, que torna obrigatório o uso de máscaras em toda a Bahia, tanto por pessoas que circulam nas ruas como em locais de trabalho e também para quem está no trânsito.

O deputado Zé Raimundo marcou a sua participação no debate e avaliou como bastante positivas as medidas tomadas pelo Governo do Estado para o enfrentamento da pandemia, como também a contribuição do Legislativo. “Temos dado todo o apoio na aprovação das propostas do Executivo visando ao enfrentamento da pandemia, não apenas na ampliação da infraestrutura da saúde e nas medidas preventivas, como também na preocupação social. E também aprovando as iniciativas de autoria dos colegas parlamentares para ajudar nesse momento crítico”, disse Zé Raimundo, que mais uma vez destacou o esforço da ALBA para a realização das sessões e votação dos projetos, pelo SRD – Sistema de Deliberação Remota.

Zé Raimundo teve destacada participação nas discussões sobre para o aperfeiçoamento do projeto de lei 23.848/2020 que amplia o uso obrigatório de máscaras na Bahia. O PL de autoria dos deputados Ivana Bastos (PSD) e Fabrício Falcão (PCdoB) foi aprovado hoje em dois turnos, pela unanimidade dos 56 deputados presentes. Também foram aprovados mais 11 projetos de decreto legislativo, ampliando para 385 os municípios baianos em estado de calamidade, por conta do Covid-19.

Zé Raimundo votando pelo computador


TEXTO E FOTO: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA ALBA

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente