Comércio de Conquista na pandemia | Shoppings todos os dias até 22 horas; lojas de rua cinco horas por dia, cada segmento. Veja mais detalhes

BANNER_728x90_GIF

O Comitê de Gerenciamento de Crise (CGC), implantado pelo prefeito Herzem Gusmão (MDB) para definir estudos e medidas que ajudem a combater a proliferação do novo coronavírus, decidiu que o comércio de Vitória da Conquista reabrirá na segunda-feira (1º) em rodízio de horários por segmento. Só ficam fora do revezamento as lojas dos shoppings centers, o que não deixa de ser uma vantagem.

O protocolo de flexibilização prevê cinco fases para reabertura do comércio/atividade econômica. A primeira contempla as lojas, a partir de segunda-feira (1º). Depois virão salões de beleza, barbearias e outras atividades de tratamento de beleza, floriculturas, bancas de jornais e lojas de animais vivos (8 de junho). Na terceira fase, 15 de junho, reabrirão bares e restaurantes, com exceção dos self-service (80% de todos). Na fase seguinte, 22 de junho, está previsto o funcionamento das academias de ginástica. A última fase, sem data determinada, inclui escolas, templos religiosos, cinemas, casas de shows  e eventos e teatros.

Pela escala apresentada para a semana que vem cada segmento das lojas de ruas terá dois horários distintos de segunda a sexta-feira (sábado e domingo ficam para as feiras livres). Pela proposta todas as lojas poderão abrir todos os dias, por cinco horas, alternando o turno de funcionamento, das 8 horas às 13 ou das 13 às 18 horas.

Os estabelecimentos comerciais devem seguir regras rígidas para poderem se manter abertos, como só entrar clientes que estejam usando máscara, disponibilizar álcool gel e limitar a entrada a um determinado número de pessoas, considerando a área útil da loja. O protocolo exige a demarcação, no lado externo do estabelecimento, de distância de 1,5 metro entre as pessoas que ficarem nas filas aguardando para adentrar e internamente, sinalizar a mesma distância entre um cliente e outro, incluindo quando forem pegar produtos em prateleiras ou afins e em filas de qualquer natureza.

No caso dos shopping centers não ficou claro o que será considerado para efeito da quantidade de consumidores que podem entrar no estabelecimento e da demarcação da distância entre as pessoas, se vale a área da loja ou do shopping em si, ressaltando que as lojas ficam lado a lado. Para efeito de comparação, o Shopping Conquista Sul tem 52.840 m² de área construída e o Boulevard Shopping 75.375 m² (informações disponíveis nos sites dos estabelecimentos).

As lojas terão que reduzir o fluxo e a permanência de pessoas (clientes e colaboradores) dentro do estabelecimento, à base de uma pessoa por atendente, para uma ocupação de 4 m² por pessoa. O número de funcionários também deve obedecer ao estritamente necessário para o funcionamento do serviço.

A reunião de apresentação do protocolo foi restrita para membros do governo municipal e do Comitê de Representação Civil e institucional, que não votaram, já que a decisão da reabertura já estava tomada desde a semana passada. Também não é possível saber o posicionamento de cada representação em relação à reabertura do comércio, à exceção do Conselho Municipal de Saúde (SMS), que manifestou-se contra em nota pública divulgada ontem (26), e da sub-seção local da OAB, que, também em nota, destacou não haver informações técnicas totalmente seguras que apontem para a flexibilização das medidas já adotadas.

FISCALIZAÇÃO

O coordenador do Comitê de Gerenciamento de Crise, Kairan Rocha Figueiredo, explicou que as exigência do protocolo deverão ser cumpridas por todos os estabelecimentos. Segundo ele, a fiscalização vai ser intensificada com a presença dos agentes patrimoniais (futuros guardas civis municipais) que irão às ruas auxiliar o trabalho dos agentes de posturas e do Simtrans. A Prefeitura de Vitória da Conquista também vai fechar algumas ruas do centro da cidade para garantir melhor mobilidade e segurança aos pedestres, evitando-se aglomerações.

A Secretaria de Comunicação vai colocar no ar, nos próximos dias, campanhas educativas com as orientações pertinentes para os cidadãos e empresários. Todas as informações vão estar disponíveis no site e redes sociais da Prefeitura e encaminhadas para os veículos de imprensa. A secretária de Comunicação, Maria Marques, enfatizou a importância de que cada membro do Comitê de Representação Civil também seja um meio de divulgação e educação da população.

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: