Prefeitura de Conquista diz que casos confirmados retirados do boletim eram de Barra do Choça

BNI_728x90px_CONTAS-PAGA

O boletim da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) sobre a situação da pandemia em Vitória da Conquista, divulgado neste sábado (6), gerou debate acerca de metodologias, números em excesso ou faltando e fortalece um entendimento, que vem sendo repercutido por entidades como o Conselho Municipal de Saúde (CMS) e a OAB, de que os números da Covid-19 eram sublimados pela subnotificação.

Um dos pontos que mais chamaram a atenção foi a redução de quatro casos que ontem estavam no boletim como confirmados. Os casos estavam como confirmados laboratorialmente. Eram 154 no boletim anterior e hoje apareceram 150. Segundo a secretária de Comunicação, Maria Marques, os casos não eram de Vitória da Conquista e haviam sido lançados por equívoco ontem. Hoje, O Núcleo Regional de Saúde, ligado à Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), informou que os quatro exames eram de pacientes de Barra do Choça.

Neste sábado, a SMS fez uma atualização das notificações e dos testes rápidos já realizados e uma adaptação do boletim a normas do Ministério da Saúde, que determina que sejam notificadas todas as suspeitas de síndrome gripal, o que não vinha sendo feito.

Em relação a ontem as notificações saíram de 1.820 para 5.552, com 1.322 suspeitas descartadas. Segundo a SMS, ainda aguardam classificação final no e-SUS Notifica 3.974 casos, De acordo com a secretaria, 158 deles possuem critérios de coleta para exame laboratorial RT-PCR e 3.730 casos passaram a ter critérios para realização de teste rápido.

NOTA DA SECRETARIA DE SAÚDE

Somente no final da tarde deste domingo (7), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) emitiu nota explicando a mudança. Segundo a secretária Ramona Cerqueira a SMS,  o lançamento dos quatro casos ocorreu devido a erro do sistema E-SUS, que exporta as informações do paciente para o município onde está cadastrado o CPF. Os casos se referiam a pessoas que, apesar de possuírem os CPFs cadastrados no sistema de notificação de Vitória da Conquista, são dois de Barra do Choça, um do Rio de Janeiro  outro de São Paulo. Clique para ver a imagem da nota assinada pela secretária de Saúde.

 

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente