Documento apócrifo com brasão da Prefeitura dá receita para prevenir Covid-19 e Herzem diz que vai pedir cloroquina a Bolsonaro

Um panfleto digital está veiculando nas redes sociais atribuído a um certo “comitê para o combate ao coronavírus Covid-19”, que seria formado por “médicos unidos para salvar vidas”, com a indicação de uma receita para tratamento e outra para prevenção da Covid-19. O material não tem assinatura, mas a presença do brasão do Município, que compõe a marca da Prefeitura de Vitória da Conquista, demonstra que os autores querem que as pessoas acreditem que é oficial.

A Prefeitura emitiu nota de esclarecimento explicando que não tem qualquer relação com a receita espalhada nas redes sociais (veja no fim desta matéria)

O panfleto indica o tratamento precoce (logo no começo) da Covid-19 com Ivermectina, hidroxicloroquina, azitromicina, zinco e colecalciferiol (vitamina D) e para profilaxia, ou seja, para não ser infectado pelo novo coronavírus Ivermectina, zinco e vitamina D. De acordo com uma farmacêutico que pediu para não ser identificado várias pessoas procuraram a farmácia nesta segunda-feira procurando os medicamentos. “Teve gente com essa indicação impressa, perguntando se tomar daquele jeito pode dar problema”, contou.

A ideia de que usar os medicamentos pode prevenir a Covid-19 ganha adeptos devido a declarações de pessoas conhecidas na mídia. Quanto à cloroquina, que tem estudos internacionais afirmando que pode ser mais prejudicial do que benéfico no tratamento da Covid-19, no entanto, há manifestação oficial da Prefeitura de Vitória da Conquista favorável a seu uso. Conforme notícia publicada no Blog da Resenha Geral, o prefeito Herzem Gusmão “admitiu possibilidade de solicitar que o presidente Bolsonaro mande cloroquina para Conquista”. Segundo Herzem a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) está elaborando um protocolo para uso da cloroquina.

Ainda de acordo com o Resenha Geral, “a secretária Ramona Cerqueira, recentemente, no programa Sudoeste agora, da Rádio Clube FM (95,9), garantiu que médicos em Vitória da Conquista estão estudando e pesquisando o uso da cloroquina” e ela, diz o blog, vai com Herzem, abordar a possibilidade do seu uso em audiência com o ministro Eduardo Pazuello.

Nota de Esclarecimento: Prefeitura não divulgou protocolo de tratamento para a Covid-19

A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista esclarece que não é a responsável pela divulgação de um card com suposto tratamento precoce da COVID-19 e desconhece sua autoria.

A Secretaria Municipal de Saúde tem agido com total transparência em relação às medidas de prevenção, controle e combate à pandemia do novo coronavírus no município e todas as informações são disponibilizadas no site criado para divulgação exclusiva das ações da Prefeitura: www.pmvc.ba.gov.br/coronavirus

É importante ainda reforçar que nenhum servidor público tem autorização para utilizar o logotipo do Governo Municipal em materiais de divulgação sem a devida autorização da Secretaria de Comunicação

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

1 thought on “Documento apócrifo com brasão da Prefeitura dá receita para prevenir Covid-19 e Herzem diz que vai pedir cloroquina a Bolsonaro

Comente