Waldenor Pereira faz balanço do mandato e avalia que saiu fortalecido de 2020


São 19 prefeitos e prefeitas e mais de uma centena de vereadores entre aliados da sua base eleitoral nas regiões Sudoeste, Serra Geral, Chapada Diamantina, Médio São Francisco e Bacia do Paramirim. É com esse capital político, robustecido nos últimos pleitos municipais, que o deputado federal Waldenor Pereira (PT) avalia o saldo político positivo de sua atuação em 2020, em que pesem todos os desafios impostos pela pandemia do Covid-19. “Apesar de um ano atípico que enfrentamos, saímos bem fortalecidos com as vitórias de tantos aliados”, observa o deputado.

As medidas de distanciamento social não paralisaram as ações do mandato dele e do deputado estadual Zé Raimundo (PT) que, juntos, buscaram superar logo no início os obstáculos com o uso das ferramentas tecnológicas de internet. Realizaram 27 seminários temáticos virtuais com lideranças nacionais e locais de expressão, como a ex-presidente Dilma Roussef, o ex-candidato a presidente Fernando Haddad e o senador Jaques Wagner. Essas iniciativas mobilizaram as lideranças e militantes dos municípios onde atuam.

Em contato permanente com os aliados em oficinas e reuniões políticas, lançamentos de PGP-Programa de Governo Participativo e, por fim, as convenções partidárias para homologação das chapas para a disputa eleitoral, Waldenor Pereira se valeu da proteção exigida pelos protocolos sanitários e foi para a luta política presencial visitando 29 dos municípios de suas regiões. “Fizemos um grande esforço, mas não podíamos deixar de reforçar o apoio aos nossos companheiros nas disputas eleitorais de suas bases”.

Ações e emendas

Para ajudar a região no enfrentamento da crise sanitária do Covid-19, os mandatos de Waldenor Pereira e Zé Raimundo destinaram R$ 16 milhões e 400 mil à saúde. Também apoiaram outras áreas com emendas parlamentares e gestões junto ao Governo Rui Costa. Na agricultura familiar, entregaram retroescavadeiras,  tratores com implementos agrícolas e barracas de comercialização de alimentos. E ainda fizeram ações na área de recursos hídricos, com destinação de recursos para aquisição de tubos para extensões de redes de água, caixas reservatórias, cisternas de consumo e de produção e limpeza e abertura de aguadas, além de implantação de sistemas simplificados de água.

Outras áreas beneficiadas em diversos municípios foram as de infraestrutura urbana, com pavimentação de ruas, praças e avenidas;  de esporte, com a construção de quadras poliesportivas e entrega de material esportivo para torneios; de cultura, com destinação de recursos para realização de feiras literárias; de educação superior, com recursos destinados às universidades estadual (UESB) e federal (UFBA), entre outras.

Atuação parlamentar

A aprovação de Fundeb foi a grande vitória da Oposição ao Governo Bolsonaro para garantir o fundo como permanente e ampliado para a manutenção da educação básica pública no país. Nessa luta, o deputado Waldenor Pereira teve papel reconhecido como articulador e mobilizador das forças do setor. Foi uma de suas vitórias como coordenador do Núcleo de Educação do PT no Congresso Nacional, que orienta a votação dos deputados e senadores petistas a partir da discussão com lideranças sindicais, estudantis e políticas da área.

Como autor e coautor de projetos de lei, Waldenor Pereira também cita a  aprovação da Lei Aldir Blanc, de apoio financeiro ao setor artístico e cultural na pandemia e o auxílio emergencial para a agricultura familiar. Junto com a bancada petista, registra a relação de mais de 200 proposições em defesa da educação, saúde, direitos humanos e agricultura familiar no enfrentamento da crise econômica e sanitária.

Não bastassem as crises da economia, que antes mesmo da pandemia caía vertiginosamente, e deve rebaixar o PIB (Produto Interno Bruto) para menos de 6%, a ambiental, com devastação ampliada nos principais biomas nacionais (floresta amazônica, Pantanal e Mata Atlântica); da pandemia do Covid-19 (agora com quase 200 mil mortos), Waldenor Pereira lamenta que tantos desafios para os brasileiros ainda tenham sido ampliados por uma crise política, patrocinada pelo  “(des)governo Bolsonaro”. “Vivemos tempos duros e desafiadores, mas nos  mantemos na resistência, persistindo na busca de medidas que possam minorar o sofrimento da população”, avalia.

TEXTO E FOTOS DA ASSESSORIA DO DEPUTADO WALDENOR PEREIRA

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente