Mais três mortes e 157 novos casos de Covid-19 são registrados em Conquista. E 44 estão internados


A Covid-19 fez mais três vítimas fatais de Vitória da Conquista e o total de conquistenses mortos chegou a 241, sendo 12 neste mês de janeiro. Dos três óbitos registrados nesta terça-feira (12), dois ocorreram ontem e um no dia 10 de dezembro.

Nas últimas 24 horas, foram confirmados 157 novos casos, no mês já são 1.240, média de 103,3 por dia, a maior desde o início da pandemia.

Boletim da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa, ainda, um total de 15.626 casos confirmados no município e 14.534 curados. Outros 851 pacientes sintomáticos continuam em processo de recuperação, com 60 deles estão em internamento hospitalar em Vitória da Conquista, três estão internados em outros municípios e 788 em tratamento domiciliar.

Estão sob investigação da SMS, 6.043 pacientes com suspeita de infecção pelo novo coronavírus. Destes, 5.982 esperam pela investigação laboratorial e 61 pelo resultado do exame RT-PCR, cujas amostras são encaminhadas para análise no Lacen Estadual.

A taxa de ocupação nos 153 leitos dedicados ao tratamento da Covid-19 caiu nesta terça-feira para para 60,78%, com 93 pacientes internados. A ocupação de leitos clínicos está em 47% e de UTI em 77,1%. Apesar da redução da ocupação hospitalar nas últimas 24 horas, a quantidade de conquistenses internados ainda é grande: 44 de Vitória da Conquista, dos quais 21 em UTI e 23 em enfermaria. Os demais 39 são de 26 municípios.

ÓBITOS REGISTRADOS

239º óbito – Homem de 76 anos, morador do bairro Candeias, portador de doença cardiovascular. Foi internado no dia 1º de dezembro no Hospital Samur, onde faleceu em 10 de dezembro.

240º óbito – Homem de 75 anos, morador da Fazenda Cachoeira do Rio Pardo (Inhobim), sem comorbidades relatadas. Foi internado no dia 6 de janeiro no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), onde faleceu em 11 de janeiro.

241º óbito – Homem de 78 anos, morador do bairro Urbis V, portador de hipertensão. Estava internado desde o dia 7 de dezembro no Hospital São Vicente, onde veio a óbito em 11 de janeiro.

 

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente