Prefeitura planeja vacinar 4.040 profissionais de saúde de Vitória da Conquista até quinta-feira

A princípio, a quantidade de vacinas Coronavac enviadas ao interior deveria ser dividida para a primeira e segunda doses, mas a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) reavaliou a realidade de cada município e autorizou o uso de todas as doses enviadas no cumprimento da primeira fase do plano de vacinação, que prioriza os profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate e tratamento da Covid-19. No caso de Vitória da Conquista o número de profissionais é muito superior às 4.040 doses que chegaram nesta madrugada.

Pela previsão inicial seriam vacinados pouco mais de dois mil pessoas, agora, a maior parte dos profissionais em atuação no município poderá receber o imunizante. Para tanto, de acordo com a diretora de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Ana Maria Ferraz, o Governo do Estado assegurou que vai enviar vacinas a cada 48 horas até completar a quantidade necessária para garantir que todos os grupos prioritários tenham acesso a primeira dose da Coronavac. Amanhã e depois os trabalhos começarão às 8h30 e prosseguirão pela noite. Ana Maria prevê que essa etapa da vacinação se complete na quinta-feira (21). “Vamos vacinar até que todo o grupo prioritário estiver atendido”, disse a diretora.

ATUAÇÃO NA LINHA DIRETA

A SMS iniciou a vacinação na tarde desta terça-feira (19), com a imunização de profissionais de saúde que estão ativos em hospitais e unidades de saúde que atuam diretamente com a Covid-19. Para realizar o trabalho, a Secretaria Municipal de Saúde adotou o sistema drive thru, com a instalação de três toldos na área de estacionamento da sede do Comando de Policiamento Regional Sudoeste (CPRSO), que dá apoio logístico à vacinação.

Os profissionais, previamente listados, chegavam de carro ou moto, se identificavam, apresentavam declaração de atuação em setores ativos da Covid-19 e eram vacinados pela equipe, formada por técnicos e técnicas de enfermagem, enfermeiros e enfermeiras, sob a coordenação direta da secretária de Saúde, Ramona Cerqueira, da diretora de Vigilância em Saúde, da coordenadora de imunização, Camila Alves Assunção, e do farmacêutico e coordenador das testagens no município, Pablo Maciel.

A primeira pessoa a ser vacinada em Vitória da Conquista foi a técnica em enfermagem Luzenásia Beiginho de Souza, 33 anos, que atua no Centro de Atenção Municipal ao Coronavírus e em unidades hospitalares da cidade. Ela foi vacinada pela enfermeira Jeanne Paula da Hora, 47 anos, da Rede de Atenção Básica de Saúde.

Comente