Com bancos e casas lotéricas abertos cidade continua movimentada no ‘lockdown’



Enquanto alguns comerciantes e donos de academia de ginástica protestavam em frente à prefeitura, uma cena comum se repetia no centro de Vitória da Conquista: as gigantescas filas para acesso às agências do Banco do Brasil e da Caixa, na Praça Barão do Rio Branco, ou ao Bradesco da Rua Maximiliano Fernandes.

A movimentação também era grande nas ruas e alamedas próximas, como se fosse um dia qualquer e não o primeiro dia útil do lockdown (parcial) determinado pelo governador Rui Costa.

Cenas de filas e gente saindo e chegando, a pé ou de carro, também foram vistas em outros endereços onde funcionam bancos e casas lotéricas. O funcionamento desses estabelecimentos, além do supermercados, mercearias, padarias e templos e locais de culto religioso mantém a cidade movimentada e as restrições parcialmente cumpridas.


 

Author: Giorlando Lima

Jacobinense, conquistense, itabunense, baiano, brasileiro. Pai de Giorlando e Alice, minhas razões de viver; profunda e eternamente apaixonado pela vida. 58 anos de idade, 42 de labuta como jornalista, publicitário, marqueteiro, blogueiro. Minha ideologia é o respeito, minha religião é o amor.

Comente

%d blogueiros gostam disto: