Um papo com a bruxinha que tem quatro corações

– Você é sensível, poética, sincera, mas não é romântica, como nos romances de amor… é? – Sou sim. Muito. Acho que o que me difere das outras pessoas sensíveis, poéticas e românticas é que tenho a particularidade de não ter um coração apenas. Nasci…

Leia Mais Um papo com a bruxinha que tem quatro corações

Teu nome é adjetivo.

Mas és a mulher mais linda que já amei. O amor mais doce que ficou no meu coração. A saudade mais intensa que flutua em minha alma. Uma falta que doi sem doer porque repleta de lembranças boas e desejos ainda mais intensos. Tua suavidade…

Leia Mais Teu nome é adjetivo.

Ressalto que já amanheceu.

Outra madrugada atravessada sob a carga de muitas saudades, dos mesmos medos, da constatação da mesma covardia e a certeza da mesma fraqueza. A locutora do Morena By Night avisa que são 5 da manhã. A voz dela sucede a de Jessé, com aquelas rimas…

Leia Mais Ressalto que já amanheceu.

Guilherme Menezes: agora é diferente

Olha, não é qualquer coisa não. Guilherme Menezes disputou cinco eleições e ganhou quatro. E foi eleito na primeira eleição de dois turnos de Vitória da Conquista, com 91.072 votos ou 56,28% do total de votos válidos, vencendo pela segunda vez o radialista Herzem Gusmão,…

Leia Mais Guilherme Menezes: agora é diferente

Pessoas que vi recentemente – 3. Quem é o traficante que te ajuda a comer?

Dia desses revi no YouTube aquele comercial que mostra uma pessoa vendendo DVD pirata na rua e quando o comprador diz que está sem dinheiro trocado o vendedor responde: “Eu troco pro senhor. Eu posso dar o troco em bala?”. E então a imagem mostra…

Leia Mais Pessoas que vi recentemente – 3. Quem é o traficante que te ajuda a comer?

Pessoas que vi de perto, recentemente

E Bebel me deu um espôrro… Na semana passada “conheci” duas pessoas. Uma que eu já via pela TV e outra que se vi antes não reparei nela. Com as duas construí momentos e tons diferentes de relacionamento. No terminal do aeroporto de Vitória da…

Leia Mais Pessoas que vi de perto, recentemente

A mulher sob o relógio

Seria preciso um segundo relógio, maior, mais preciso, para poder contar o número de vezes que ela olha para o relógio. Porque não são poucas as vezes. Na mesa, na hora do almoço, enquanto mastiga, olha para o relógio quase o mesmo número de vezes…

Leia Mais A mulher sob o relógio

A escolha de Bela

Eu tinha 11 anos. Ela, talvez, um ou dois a mais. Chamava-se Bela, não como parte de um nome maior ou um apelido para combinar com a sua formosura, era nome próprio mesmo. Bela morava numa casa enorme, vizinha à Maçonaria, na rua Alice Barros…

Leia Mais A escolha de Bela

Um bom projeto não tem que ter o mesmo governante sempre

Ou: Porque acho que Guilherme poderia ceder e entrar para a história de outro jeito I – O governo petista fez a coisa certa desde o começo Sou ligado a Vitória da Conquista por dois cordões umbilicais. Na hoje também chamada de Suíça brasileira, outrora…

Leia Mais Um bom projeto não tem que ter o mesmo governante sempre

De Elomar e Caetano. (Um artigo, que chamo de ensaio por ser um ensaio mesmo, para ser contestado)

Adorei ler em A Tarde artigo de Caetano Veloso em que confessa ter se inspirado em Elomar (Figueira Mello) para compor “Beleza Pura”. Não sou conquistense, mas Vitória da Conquista é a terra que me deu os melhores anos da minha vida e os melhores…

Leia Mais De Elomar e Caetano. (Um artigo, que chamo de ensaio por ser um ensaio mesmo, para ser contestado)

Novo blog político é muito útil ao debate

Foi quase somente o tempo de publicar o artigo sobre o Blog do Geddel e sua mania de querer piorar “pelo menos um pouquinho” algumas das coisas já ruins em nosso estado, que recebi um telefonema e depois outro, de pessoas diferentes, questionando a minha…

Leia Mais Novo blog político é muito útil ao debate

Por que Geddel insiste em fazer assim?

Gostaria de ter retomado o meu blog com assuntos mais amenos, comemorações de vitórias dos times baianos no Brasileirão, por exemplo. Mas como estou enferrujado e precisava me atualizar para este recomeço, fui dar uma volta na blogosfera para ver as novidades e, claro, dar…

Leia Mais Por que Geddel insiste em fazer assim?