Se ela disser que sim eu prossigo…

Hoje eu posso confessar: sim, já tive muitos amores. Porque não se pode amar a um amor menos do que se amou ao que se foi ou ao amor que ainda virá.  Amar é uma coisa plena, ainda que nem sempre realizada. O meu primeiro…

Leia Mais Se ela disser que sim eu prossigo…

Teu nome é adjetivo.

Mas és a mulher mais linda que já amei. O amor mais doce que ficou no meu coração. A saudade mais intensa que flutua em minha alma. Uma falta que doi sem doer porque repleta de lembranças boas e desejos ainda mais intensos. Tua suavidade…

Leia Mais Teu nome é adjetivo.

Ressalto que já amanheceu.

Outra madrugada atravessada sob a carga de muitas saudades, dos mesmos medos, da constatação da mesma covardia e a certeza da mesma fraqueza. A locutora do Morena By Night avisa que são 5 da manhã. A voz dela sucede a de Jessé, com aquelas rimas…

Leia Mais Ressalto que já amanheceu.

Uma leitura do 2º turno de Conquista. (Incluindo um auto-elogio. Perdão).

Finalizada a apuração, confirmada a reeleição de Guilherme Menezes prefeito, vejamos alguns dados interessantes do 2º turno em Vitória da Conquista. Aqui incluo, como sempre, avaliações pessoais do evento e um elogio ao novo instituto de pesquisas DataGiorlando (brincadeira à parte, acertei o prognóstico da…

Leia Mais Uma leitura do 2º turno de Conquista. (Incluindo um auto-elogio. Perdão).

Guilherme Menezes: agora é diferente

Olha, não é qualquer coisa não. Guilherme Menezes disputou cinco eleições e ganhou quatro. E foi eleito na primeira eleição de dois turnos de Vitória da Conquista, com 91.072 votos ou 56,28% do total de votos válidos, vencendo pela segunda vez o radialista Herzem Gusmão,…

Leia Mais Guilherme Menezes: agora é diferente

Do debate de Conquista e outras considerações

Publiquei este texto como comentário a uma postagem do meu amigo professor Paulo Cairo, no Facebook. São impressões muito pessoais, baseadas na minha experiência em eleições e em marketing político e, mais ainda, referendadas pela minha experiência de Vitória da Conquista. Não creio em diminuição…

Leia Mais Do debate de Conquista e outras considerações

Sobre a vaca que foi para o brejo e outras histórias

A candidata do PT fraudou a propaganda. Todo mundo viu e ouviu que ela mudou o trecho em que deveria se ouvir, “a vaca foi para o brejo”, acrescentando o plural, para parecer que foi dito “as vacas”. Pura falsidade. Nisso ela repete o seu…

Leia Mais Sobre a vaca que foi para o brejo e outras histórias

Para reagir não precisa agredir. Golpe não.

Leia Mais Para reagir não precisa agredir. Golpe não.

Pessoas que vi recentemente – 3. Quem é o traficante que te ajuda a comer?

Dia desses revi no YouTube aquele comercial que mostra uma pessoa vendendo DVD pirata na rua e quando o comprador diz que está sem dinheiro trocado o vendedor responde: “Eu troco pro senhor. Eu posso dar o troco em bala?”. E então a imagem mostra…

Leia Mais Pessoas que vi recentemente – 3. Quem é o traficante que te ajuda a comer?

Menino, moreno, mulato, de cor… boiadeiro, sonhador. Uma reminiscência.

Como eu já contei para Bi, posso contar também para vocês. Cícero Matos se lembra, Paulo (de China) Fontes também. Não sei quem mais sabe, além destes, porque não me lembro quem estava lá. Isso foi há muitas esquinas. Nem eu sei mais o caminho de…

Leia Mais Menino, moreno, mulato, de cor… boiadeiro, sonhador. Uma reminiscência.

Mais pessoas que vi de perto – sem fotos.

Foram-se, com a sacola da C&A Deve ter uns 75 anos. Chapéu Panamá, novinho, na cabeça. Pelo IBGE seria um homem pardo. Passa o guardanapo molhado nos lábios (tem na mesa um pequeno copo, shot, cheio de água mineral com gás). Levanta a cabeça de…

Leia Mais Mais pessoas que vi de perto – sem fotos.

Estamos funcionando no endereço ao lado

As postagens recentes sobre política, bagunça, greve e que tais podem ser lidas no blog vizinho Notas da Bahia. Semelhante com o que fiz em 2010, quando apaguei ou mudei de endereço vários artigos sobre a política e a campanha eleitoral, fiz mais uma mudança…

Leia Mais Estamos funcionando no endereço ao lado